Porsche

Murilo Coletta/Gomes começa fim de semana na frente e lidera primeiro treino da Endurance Series

Murilo Coletta e Marcos Gomes começaram o final de semana em Interlagos com o pé direito. No primeiro treino livre, na manhã desta sexta-feira (23), a dupla anotou 1min36s375 para se colocar na ponta da classe 4.0. Na classe 3.8, William Freire/Chico Horta foi a mais veloz
Warm Up / NATHALIA DE VIVO, de Interlagos
 Murilo Coletta (Foto: Interlagos)
A Porsche Endurance Series já começou as atividades para a decisão da temporada 2018. Na manha desta sesta sexta-feira (23), na quente Interlagos, os pilotos foram para a pista para o primeiro treino livre do dia, que teve liderança da dupla Marcos Gomes/Murilo Coletta.
 
Quando a sessão foi iniciada, exatamente às 11h29 do horário de Brasília, o céu estava azul e com o sol brilhando forte no autódromo paulistano. No termômetro, a temperatura indicada era de 26ºC.
 
Após todos deixarem os boxes e irem para a pista, Luca Seripieri foi o primeiro a marcar uma volta rápida na classe 4.0. Entretanto, logo em seguia Enzo Elias o bateu ao cravar 1min38s886, superando em 0s920. Na classe 3.8, William Freire foi o primeiro mais rápido.
Murilo Coletta (Foto: Interlagos)
A medida que o cronômetro rodava em Interlagos, os tempos começavam a baixar. Pouco antes da metade do ensaio, Gaetano di Mauro foi quem saltou para o primeiro posto ao fazer 1min38s236, seguido por Marcos Gomes, Elias, Marcel Coletta e Pedro Queirolo.  No giro seguinte, o #4 baixou o tempo para 1min36s425.
 
Com pouco mais de 12 minutos para encerrar o cronômetro, Gomes pulou para a ponta com 1min36s375, batendo a marca anterior por apenas 0s050. Mauro, Elias, Queirolo e Marcel vinham em seguida.
 
Na classe 3.8, Horta havia assumido o carro #77 e seguia sem problemas na liderança da sessão com 1min38s312. Matheus Coletta, Maurizio Billi e JP Mauro fechavam o top-5 daquele momento da sessão.
 
Com a bandeira quadriculada, Gomes/Murilo fecharam como os mais velozes da sessão. Gaetano, Sergio Jimenez, Romain Ziemkiewicz e Ricardo Zonta fecharam o top-5 da classe 4.0. Na classe 3.8, Horta/Freire foi a dupla mais rápida, seguida por Iorio, Matheus Coletta, Culbert e Maurizio Billi.