Porsche

Porsche Cup desembarca em Interlagos junto com F1 para decidir temporada marcada pela competitividade

A Porsche Cup realiza neste final de semana a decisão da temporada 2018. Em Interlagos, a categoria vai fazer as corridas preliminares da F1 pelo 14º ano consecutivo, adicionando um clima ainda maior de festa para o encerramento do campeonato marcado pelo equilíbrio
Warm Up / NATHALIA DE VIVO, de São Paulo
 A Porsche Cup em Interlagos (Foto: Porsche Cup)
A temporada 2018 da Porsche Cup vai dar seu passo final neste final de semana. Com Interlagos como palco da decisão, a categoria vai conhecer seus quatro campeões após um campeonato que foi marcado pela competitividade e equilíbrio.
 
A sexta etapa do calendário tem também um clima ainda mais especial para pilotos e equipes. Pelo 14º ano consecutivo, a categoria monomarca vai fazer as corridas preliminares da F1, que disputa o GP do Brasil no circuito paulistano.
 
A expectativa, então, é de uma grande festa com direito a muito público e ótimas disputas na pista, afinal, o campeonato foi marcado pelo alto nível dos pilotos ao longo do ano. Na Carrera Cup 4.0, por exemplo, foram seis vencedores em dez provas. O atual líder é Werner Neugebauer, mas com os descartes, é Lico Kaesemodel quem passa para a ponta da tabela.
 
Entretanto, não é apenas a dupla que está na batalha para colocar as mãos no caneco da classe. Miguel Paludo, Constantino Jr, Marçar Müller e Pedro Queirolo também estão no páreo para serem coroados os grandes campeões.
A Porsche Cup em Interlagos (Foto: Porsche Cup)
Passando para a Carrera Cup 3.8, a grande novidade do ano foi o Junior Program, que premiou três pilotos com subsídios para a temporada 2018. Vitor Baptista, primeiro vencedor do programa de incentivo, lidera a classificação desde a primeira etapa, mas se aplicados os descartes dos dois piores resultados do ano, aparece empatado com Gaetano di Mauro.
 
Sylvio de Barros é quem aparece como o líder da GT3 Cup 4.0. Com uma campanha excelente e bastante consistente, ficou fora do pódio apenas em duas ocasiões. Mais perto para o final da temporada, Adalberto Baptista reagiu na pista e é quem aparece na briga pelo título da classe.
 
Já na GT3 Cup 3.8, Paulo Totaro vinha absoluto na ponta da tabela sem cometer nenhum erro ao longo do ano. Entretanto, na última etapa, acabou zerando as duas corridas, o que permitiu que Chico Horta desse a volta por cima e assumisse a primeira colocação da tabela.
 
No final de semana de F1, as atividades são um pouco diferentes do que os pilotos estão acostumados. Sem espaço para treinos livres, na sexta-feira vão para a pista logo para as classificações. No sábado acontecem duas corridas, uma da classe 4.0 – Carrera e GT3, e outra da 3.8. No domingo, o esquema se repete.
 
A decisão da temporada 2018 da Porsche Cup acontece neste final de semana, em Interlagos. Preliminar da F1, no dia 11 de outubro, as quatro classes do campeonato conhecerão seus novos campeões. Você acompanha as atividades pelo Facebook do GRANDE PRÊMIO.