Alonso festeja reação em “etapa preciosa e muito feliz” no Rali Dakar

Depois da segunda-feira problemática, Fernando Alonso e Marc Coma voltaram a sorrir no Dakar. Nesta terça-feira, na etapa em laço em Neom, na Arábia Saudita, a dupla andou sempre entre as primeiras colocadas e finalizou na quinta posição, o que ameniza o estrago pelos percalços do dia anterior

Como a vida em si, o Dakar ensina que nada mesmo como um dia após o outro. Na última segunda-feira, Fernando Alonso e Marc Coma acertaram uma pedra escondida em meio às dunas do deserto árabe, sofreram com uma avaria na suspensão dianteira esquerda do Toyota Hilux e perderam quase 2h40min em relação ao vencedor da etapa. Nesta terça-feira (7), contudo, a história foi bem diferente: de reação e volta por cima no maior rali do mundo.
 
Na etapa em laço disputada em Neom — cidade às margens do Mar Vermelho e próxima à fronteira com a Jordânia e também perto do Egito —, Alonso e Coma viveram um dia muito positivo. 
 
Depois de passar pelo primeiro waypoint na oitava colocação, a dupla da Toyota andou em quarto por praticamente todo percurso para finalizar a especial em quinto lugar, deixando para trás nomes pesados e históricos do Dakar como Stéphane Peterhansel e Giniel de Villiers, este seu companheiro de equipe e ‘mentor’ na Toyota.
Fernando Alonso teve um dia muito mais positivo no Dakar (Foto: DPPI)
Em entrevista coletiva pouco depois do fim da especial, Alonso comemorou a reação. “Bem, foi um dia muito diferente de ontem. Este resultado, logicamente, nos alegra muito. Tivemos uma etapa sem muitos contratempos, com visibilidade muito boa”, disse.
 
“A etapa foi preciosa: os lugares por onde passamos são incríveis. Logicamente, passamos rápido demais para poder curtir, mas foi um dia muito feliz para nós”, destacou Alonso.
 
Uma das grandes dificuldades de Alonso na sua estreia no Dakar tem sido a respeito da areia enfrentada por conta do tráfego. Desta vez, porém, o espanhol destacou o fato de ter andado com o trecho limpo em praticamente todo o percurso.
 
“Cada vez que alcançávamos algum carro, acontecia algo: ou um pneu furado, ou então algum caminho perdido [dos concorrentes], e então voltávamos a ter uma boa visibilidade”, concluiu.
 
Nos resultados provisórios divulgados pela cronometragem do Dakar, Alonso e Coma subiram um pouco na classificação geral da prova: de 48º no dia anterior — por conta do enorme tempo perdido pelo problema na suspensão —, a tripulação ocupa a 32ª colocação.

Paddockast #46
OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube