Aos 41 anos, Azevedo vai ao Rali Dakar pela 18ª vez e vê “pelo menos 30 nomes” em condições de brigar na ponta nas motos

Aos 41 anos, Jean Azevedo vai disputar o Rali Dakar em 2016 pela 18ª vez. Único representante do Brasil na disputa entre as motos, piloto de São José dos Campos vê pelos menos 30 competidores com chances de brigar no topo da tabela

Mais uma vez, Jean Azevedo será o único representante do Brasil na disputa entre as motos no Rali Dakar. Aos 41 anos, o piloto de São José dos Campos vai, assim como no ano passado, defender a equipe Honda South America Rally Team, que conta também com francês Adrien Metge e com os argentinos Javier Pizzolito e Kevin Benavides.
 
Em sua 38ª edição, o Dakar, que vai de 2 a 16 de janeiro, terá mais de 9 mil km, sendo 4,5 mil km de trechos cronometrados, no percurso entre Buenos Aires e Rosário, na Argentina, passando pela Bolívia. 
Jean Azevedo é o único brasileiro na categoria das motos (Foto: Victor Eleutério)
“Será uma prova dura como sempre e com etapas contra o relógio longas, sendo a maior com mais de 500 quilômetros”, disse Jean, que soma nove títulos brasileiros de Rali Cross-Country e é hexacampeão do Rali dos Sertões. “O dia mais longo, no total, terá mais de 900 quilômetros. Quem tiver uma boa estratégia vai chegar bem ao final”, ponderou.
 
 
Assim, Argentina e Bolívia ficaram sozinhas no roteiro, o que remove consideravelmente os trechos de areia do percurso. 
 
“Teremos neste percurso pouca areia. Será um rali mais pedregoso por estradas e rios secos, uma prova que vai exigir muito de pilotos e equipamentos”, opinou Jean. “Confio muito na minha moto. Em uma prova com essas características, o trabalho da equipe é fundamental. Por isso, a HSA Rally Team se estruturou muito bem para enfrentar esses desafios”, elogiou o brasileiro, que vai correr com a CRF 450 Rally. 
Adrien Metge e Javier Pizzolito fazem parte do time sul-americano da Honda no Dakar (Foto: Felipe Tesser)
Além das modificações no roteiro, o Dakar também sofreu uma baixa no elenco. Campeão vigente, Marc Coma pendurou o capacete e assumiu o posto de diretor-esportivo do rali.
 
 Sem o espanhol, os pilotos da Honda, especialmente os do time oficial da HRC — Joan Barreda, Paulo Gonçalves e Michel Metge, que é irmão de Adrien —, surgem como fortes candidatos, juntos com os competidores selecionados pela KTM — Toby Price, Jordi Viladoms, Matthias Walkner, Sam Sunderland, Antoine Meo e Laia Sanz.
 
Na visão de Azevedo, são pelo menos 30 pilotos com condições de brigar na ponta da tabela da edição 2016 do Rali Dakar. 
 
“Nas motos, o grande favorito seria o Marc Coma, mas como ele não vai competir, já que assumiu o cargo de diretor de prova, isso abriu uma possibilidade de vários candidatos ao título”, comentou. “Se analisarmos a lista completa de inscritos, temos pelo menos 30 nomes com condições de disputarem as primeiras posições”, concluiu.

Rali Dakar, Programação 2016:

 
 
 
 
Motos e Quadriciclos
Carros
Caminhões
DATA
LOCAL
ESTÁGIO
ESPECIAL
DESLOCAMENTO
ESPECIAL
DESLOCAMENTO
ESPECIAL
DESLOCAMENTO
02/jan
Buenos Aires – Rosário
Prólogo
11 KM
346 KM
11 KM
346 KM
11 KM
346 KM
03/jan
Rosário – Villa Carlos Paz
1
227 KM
632 KM
258 KM
662 KM
258 KM
662 KM
04/jan
Villa Carlos Paz – Termas de Río Hondo
2
450 KM
786 KM
521 KM
858 KM
521 KM
858 KM
05/jan
Termas de Río Hondo – San Salvador de Jujuy
3
314 KM
663 KM
314 KM
663 KM
314 KM
663 KM
06/jan
San Salvador de Jujuy – San Salvador de Jujuy
4
429 KM
629 KM
429 KM
629 KM
418 KM
619 KM
07/jan
San Salvador de Jujuy – Uyuni
5
327 KM
642 KM
327 KM
642 KM
327 KM
642 KM
08/jan
Uyuni – Uyuni
6
542 KM
723 KM
542 KM
723 KM
295 KM
600 KM
09/jan
Uyuni – Salta
7
353 KM
793 KM
353 KM
793 KM
353 KM
793 KM
10/jan
Salta
DIA DE DESCANSO
11/jan
Salta – Belén
8
393 KM
766 KM
393 KM
766 KM
393 KM
766 KM
12/jan
Belén – Belén
9
285 KM
436 KM
285 KM
396 KM
285 KM
396 KM
13/jan
Belén – La Rioja
10
278 KM
561 KM
278 KM
763 KM
278 KM
763 KM
14/jan
La Rioja – San Juan
11
431 KM
712 KM
431 KM
712 KM
431 KM
712 KM
15/jan
San Juan – Villa Carlos Paz
12
481 KM
931 KM
481 KM
931 KM
267 KM
866 KM
16/jan
Villa Carlos Paz – Rosário
13
180 KM
699 KM
180 KM
699 KM
180 KM
699 KM
TOTAL
4.701 KM
9.319 KM
4.803 KM
9.583 KM
4.331 KM
9.385 KM

 

(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = “//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3”; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Lembram-se daquele carro conceito de 2017 que a Ferrari fez no começo do ano? Pois o pessoal da Asseto Corsa trabalhou…

Posted by Grande Prêmio on Quarta, 18 de novembro de 2015

PADDOCK GP EDIÇÃO #7: ASSISTA JÁ

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube