Após cancelamento do nono estágio, Rali Dakar retoma atividades com etapa entre Chilecito e San Juan

Depois do cancelamento da nona especial em decorrência das fortes chuvas na região de fronteira entre Bolívia e Argentina, o Rali Dakar conseguiu retomar suas atividades nesta quinta-feira (12). A caravana conseguiu chegar a Chilecito e deu início a especial rumo a San Juan ainda no começo da manhã na Argentina

 

O Rali Dakar recomeçou. Depois de cancelar a nona etapa em decorrência das fortes chuvas na região de fronteira entre Bolívia e Argentina, a maior prova off-road do planeta voltou às atividades nesta quinta-feira (12).

 
A ASO, empresa que promove e organiza o Dakar, teve de cancelar a especial conhecida como ‘Super Belén’ em decorrência da cheia do Rio Grande e de um deslizamento de terra na cidade de Volcán. A caravana acabou bloqueada, sem que os veículos da própria organização conseguissem chegar a Salta.
Dakar recomeça suas atividades nesta quinta-feira (Foto: Honda)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Sem atividades esportivas, o Dakar colocou seus recursos — médicos e helicópteros — à disposição do governo local para ajudar no socorro a população. Enquanto isso, pilotos e equipes seguiram direto para Chilecito, ponto de partida da especial seguinte.
 
Por conta das dificuldades de locomoção entre as cidades, alguns pilotos tiveram problemas para encontrar um lugar para dormir, já que nem todos os motorhomes conseguiram chegar. Na noite de quarta-feira, Nani Roma, por exemplo, postou um vídeo nas redes sociais contando que tinha conseguido abrigo na casa de um morador local.
 
Com todas as demais questões resolvidas, a parte esportiva voltou ao centro das atenções na prova. Nesta quarta, os competidores têm pela frente um duro caminho, com trilhas no estilo Trial, e a navegação será primordial ao longo do percurso. No total, são 751 km, sendo 449 km deles de trecho cronometrado.
 
Na reta final da disputa, seguem na competição 109 motos, 23 quadriciclos, 63 carros, cinco UTVs e 48 caminhos. Sam Sunderland tem a liderança das motos, com Sergey Karyakin no comando dos quads, Sébastian Loeb puxando a fila nos carros, os brasileiros Leandro Torres e Lourival Roldan na ponta dos UTVs e Dmitry Sotnikov no topo da tabela dos caminhões.
fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube