Campeão entre os carros em 2014, Roma diz que presença de Loeb “dá mais valor a uma possível vitória” no Rali Dakar

Campeão da disputa entre os carros em 2014, Nani Roma afirmou que a presença de Sébastien Loeb no Rali Dakar dá mais valor a uma possível vitória. Piloto da Mini se mostrou confiante em suas chances de brigar pelo triunfo em 2016

A edição do 2016 do Rali Dakar sofreu perdas importantes em termos de percurso com a saída de Chile e Peru, mas se o roteiro traz baixas, o mesmo não se pode dizer do elenco.
 
Depois de muitos anos de flerte com o mais difícil rali do mundo, Sébastien Loeb cedeu aos encantos da prova organizada pela ASO e fará sua estreia no ano que vem, defendendo as cores da Peugeot. Além do nove vezes campeão do Mundial de Rali, o Dakar de 2016 também contará com o debute de Mikko Hirvonen, que vai correr pela X-Raid
Nani Roma disse que presença de Loeb vai dar mais peso ao Dakar (Foto: AP)
Campeão da disputa entre os carros em 2014, Nani Roma avaliou que a presença de Loeb dá mais peso ao Dakar e também mais valor a uma possível vitória. Mas apesar da participação do famoso francês, o piloto da Mini se mostrou confiante em suas possibilidades.
 
 “Dá mais peso e mais valor a uma possível vitória”, avaliou Roma em entrevista ao jornal espanhol ‘Marca’. “Estou muito seguro das minhas forças e confiante nas minhas possibilidades”, seguiu o campeão de 2014.
 
 
No total, são 356 veículos inscritos para o percurso entre Buenos Aires e Rosário, na Argentina, passando por Uyuni, na Bolívia. Serão 14 dias de competição, onde os pilotos vão percorrer mais de 9 mil km, sendo 4.5 mil km de trechos cronometrados.
Sébastien Loeb passou um tempão flertando com o Dakar (Foto: Marcelo Maragni/Red Bull Content Pool)
De acordo com Roma, se trata de uma percurso conhecido, mas as dificuldades estarão lá, especialmente na segunda semana do rali, quando os competidores passarão por Salta, Belén, La Rioja, San Juan, Villa Carlos Paz e Rosário.
 
“A priori, é um percurso conhecido, mas há alguns pontos de incerteza, como a etapa maratona com parque fechado, na área da Bolívia, que é sempre difícil por conta da altura”, apontou Roma. “E, principalmente, a segunda semana, que vai ser muito dura. No geral, será um Dakar interessante”, resumiu. 
 
No Dakar deste ano, Nani teve problemas ainda nos primeiros quilômetros, uma memória que certamente estará presente no próximo ano.
 
“Claro que eu vou me lembrar quando passar por lá, mas são só três quilômetros, então logo vamos deixar isso para trás”, concluiu.

Rali Dakar 2016:

 
 
 
 
Motos e Quadriciclos
Carros
Caminhões
DATA
LOCAL
ESTÁGIO
ESPECIAL
DESLOCAMENTO
ESPECIAL
DESLOCAMENTO
ESPECIAL
DESLOCAMENTO
02/jan
Buenos Aires – Rosário
Prólogo
11 KM
346 KM
11 KM
346 KM
11 KM
346 KM
03/jan
Rosário – Villa Carlos Paz
1
227 KM
632 KM
258 KM
662 KM
258 KM
662 KM
04/jan
Villa Carlos Paz – Termas de Río Hondo
2
450 KM
786 KM
521 KM
858 KM
521 KM
858 KM
05/jan
Termas de Río Hondo – San Salvador de Jujuy
3
314 KM
663 KM
314 KM
663 KM
314 KM
663 KM
06/jan
San Salvador de Jujuy – San Salvador de Jujuy
4
429 KM
629 KM
429 KM
629 KM
418 KM
619 KM
07/jan
San Salvador de Jujuy – Uyuni
5
327 KM
642 KM
327 KM
642 KM
327 KM
642 KM
08/jan
Uyuni – Uyuni
6
542 KM
723 KM
542 KM
723 KM
295 KM
600 KM
09/jan
Uyuni – Salta
7
353 KM
793 KM
353 KM
793 KM
353 KM
793 KM
10/jan
Salta
DIA DE DESCANSO
11/jan
Salta – Belén
8
393 KM
766 KM
393 KM
766 KM
393 KM
766 KM
12/jan
Belén – Belén
9
285 KM
436 KM
285 KM
396 KM
285 KM
396 KM
13/jan
Belén – La Rioja
10
278 KM
561 KM
278 KM
763 KM
278 KM
763 KM
14/jan
La Rioja – San Juan
11
431 KM
712 KM
431 KM
712 KM
431 KM
712 KM
15/jan
San Juan – Villa Carlos Paz
12
481 KM
931 KM
481 KM
931 KM
267 KM
866 KM
16/jan
Villa Carlos Paz – Rosário
13
180 KM
699 KM
180 KM
699 KM
180 KM
699 KM
TOTAL
4.701 KM
9.319 KM
4.803 KM
9.583 KM
4.331 KM
9.385 KM
 

(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = “//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3”; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Sobre o motor alternativo na F1 em 2017: não vai rolarhttp://grandepremio.uol.com.br/f1/noticias/com-veto-das-montadoras-grupo-de-estrategia-rejeita-proposta-de-motor-alternativo-para-f1-em-2017-diz-revista

Posted by Grande Prêmio on Quarta, 25 de novembro de 2015

PADDOCK GP EDIÇÃO #8: ASSISTA JÁ

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube