WRC anuncia retomada com estreia na Estônia e cancela etapa da Argentina

Rali na casa do atual campeão Ott Tänak é a grande novidade do calendário revisado da temporada 2020 do Mundial de Rali

O WRC anunciou os planos de retorno da temporada 2020 nesta quinta-feira (2). Sem realizar eventos desde março por conta da pandemia do coronavírus, a próxima etapa marcada é o estreante Rali da Estônia, que acontece entre os dias 4 e 6 de setembro.

Turquia, Alemanha, Itália e Japão também estão previstos para fechar o calendário. O WRC também negocia com eventos adicionais na Bélgica e na Croácia, buscando fechar a temporada em dez etapas. O tradicional Rali da Argentina, inicialmente previsto para abril, acabou cancelado.

Ott Tänak venceu o Rali da Estônia em três oportunidades (Foto: Reprodução)

“O anúncio do recomeço de hoje mostra um sinal claro de que estamos de volta. Trabalhamos incansavelmente junto a FIA, nossos competidores, times e potenciais ralis para revisar o calendário nesta circunstância excepcional. A notícia de hoje permite um recomeço em tempo apropriado e uma temporada digna de Campeonato Mundial”, declarou Oliver Ciesla, diretor e promotor do WRC.

As etapas da Argentina, Portugal, Quênia, Finlândia, Nova Zelândia e Grã-Bretanha foram canceladas em decorrência da pandemia. O Rali do Chile deixou o calendário ainda no começo do ano por conta dos protestos políticos no país.

“Os fãs demonstraram grande paixão na Estônia e na Itália. A expectativa vai crescer rapidamente antes do início do campeonato”, completou Ciesla.

Com ralis disputados em Monte Carlo, Suécia e México, Sébastien Ogier é o líder do campeonato com 62 pontos, 8 de vantagem para Elfyn Evans. O atual Ott Tänak, estoniano, ocupa apenas a quinta posição.

Confira o calendário da temporada 2020 do WRC:

6/9ESTÔNIA
24 A 27/9TURQUIA
15 A 18/10ALEMANHA
29/10 A 1/11ITÁLIA
19 A 22/11JAPÃO

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube