Com objetivo de promover turismo, Peru faz solicitação formal de inclusão no roteiro da edição 2018 do Rali Dakar

O ministro de Comércio Exterior e do Turismo, Eduardo Ferreyros anunciou na terça-feira (23) o interesse do governo de recolocar o Peru no roteiro do Rali Dakar. Governo vê na prova uma importante vitrine para promover o turismo

 

Ministro do Comércio Exterior e do Turismo, Eduardo Ferreyros confirmou na terça-feira (23) o interesse do Peru em voltar a fazer parte do roteiro do Rali Dakar. O país vizinho foi palco da prova nas edições 2012 e 2013.

 
No último fim de semana, o jornalista José Valdeiglesias tinha publicado nas redes sociais um documento endereçado a Etienne Lavigne, chefe da ASO, a promotora do Dakar, assinado pelo primeiro-ministro Fernando Zavala em que o governo peruano solicitava a inclusão do país no Dakar de 2018.
Governo do Peru quer o Dakar de volta em 2018 (Foto: Divulgação)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Em uma coletiva de imprensa que contou com a participação do ministro da Cultura, Salvador Solar, do presidente do Instituto Peruano de Esportes, Óscar Fernández, e do piloto Nicolás Fuchs, Ferreyros confirmou a veracidade do documento e afirmou que a ideia é criar uma comissão multissetorial que vai trabalhar em contato direto com os organizadores do rali.
 
“Este comitê estará integrado pela Presidência do Conselho de Ministros, o Ministério de Comércio Exterior e Turismo, o Ministério da Cultura, o Ministério do Interior e o Instituto Peruano de Esportes (IPD)”, anunciou Ferreyros. “Para garantir o êxito da participação peruana, estamos anunciando com um ano de antecedência”, ressaltou.
 
De acordo com o ministro, o objetivo é usar o impacto internacional do Dakar para promover o turismo no Peru. 
 
“A ideia é nos expormos ao mundo diante de uma audiência importante. Calculamos que o evento terá uma transmissão aproximada de 1.200 horas em 190 países”, apontou. “Além disso, 40% da audiência interessada no evento corresponde a países asiáticos, o que coincide com a política do Mincetur de atrair turistas deste mercado”, explicou.
 
Ainda segundo o ministro, o governo calcula que a edição 2018 do Rali Dakar, terá um impacto econômico superior a US$ 300 milhões (cerca de R$ 951,4 milhões) em atividades como acomodações, alimentação e transportes, por exemplo. Além disso, o governo estima que a prova contará com 750 competidores, 40 deles peruanos.
 
“Estamos convencidos da importância deste evento para difundir a imagem do Peru no exterior e promover o turismo”, garantiu Ferreyros.
 
 
OS CAMPEÕES DO DAKAR: LEANDRO TORRES E LOURIVAL ROLDAN CONTAM TUDO SOBRE A CONQUISTA HISTÓRICA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube