Com retorno do Quênia, WRC divulga calendário para temporada 2020

WRC passará por seis continentes pela primeira vez em seus 48 anos de história. França, Catalunha e Austrália abandonam o calendário, dando lugar para Nova Zelândia, o tradicional Rali Safári no Quênia e Japão, que receberá a etapa final, em novembro

O WRC divulgou o calendário para a temporada 2020 com três novas adições. O tradicional Rali do Quênia é uma das novidades, marcando o retorno da África, que não aparecia desde 2002. Com edições também confirmadas no Japão e na Nova Zelândia, o campeonato passará por seis continentes no próximo ano. É a primeira vez nos 48 anos de história.
 
A temporada tem início em janeiro, em Monte Carlo, passa pela Suécia antes de uma tour latino-americana por México, Chile e Argentina. Posteriormente, segue por Portugal, Itália, Quênia, Finlândia, Nova Zelândia, Turquia, Alemanha e Grã-Bretanha até a final no Japão, em novembro. Deixam o calendário os ralis da França, Catalunha e Austrália.
Turquia seguirá no calendário em 2020 (Foto: Citroën Racing)
"Não é segredo que queremos globalizar o campeonato, colocando mais edições fora da Europa, e alcançamos isso com o calendário do próximo ano", declarou Oliver Ciesla, diretor geral do campeonato.
 
O Rali Safári, no Quênia, é conhecido como um dos mais difíceis do mundo, com clima imprevisível, trilhas de cascalho e rota três vezes maior que as comuns. A edição evoluiu para se adaptar ao WRC, mas segue apresentando dificuldades. A edição acontecerá entre os dias 16 e 19 de julho.
 
"O retorno do Japão e do Quênia mostram a presença nos dois maiores continentes do mundo em largura pela primeira vez em duas décadas. A última vez foi em 1999. Estes continentes são grandes mercados para o WRC, e quero agradecer a todos os envolvidos dos países e a FIA, que foi muito importante para recolocar os ralis no calendário para 2020", citou Ciesla.
 
O Rali do Japão terá uma diferença com as edições anteriores, já que será realizado em Nagoya em vez de Hokkaido, em trecho inteiramente de asfalto. Será a última etapa do campeonato, disputada entre 19 e 22 de novembro.

Faltam três etapas para o fim da temporada 2019. Ott Tänak é o líder, com 210 pontos, contra 193 do multicampeão Sébastien Ogier.

 

Calendário da temporada 2020 do WRC

  DATA ETAPA
1 23 a 26/1 MONTE CARLO
2 13 a 16/2 SUÉCIA
3 12 a 15/3 MÉXICO
4 16 a 19/4 CHILE
5 30/4 a 3/5 ARGENTINA
6 21 a 24/5 PORTUGAL
7 4 a 7/6 ITÁLIA
8 16 a 19/7 QUÊNIA
9 6 a 9/8 FINLÂNDIA
10 3 a 6/9 NOVA ZELÂNDIA
11 24 a 27/9 TURQUIA
12 15 a 18/10 ALEMANHA
13 29/10 a 1/11 GRÃ-BRETANHA
14 19 a 22/11 JAPÃO

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube