De olho em retorno ao WRC, Toyota constrói protótipo na Alemanha e planeja testes em 2014

A divisão alemã da montadora japonesa – a TMG – está construindo um modelo Yaris de acordo com as regras do WRC e planeja usar o próximo ano como testes de um possível projeto para o Mundial

A Toyota pode ser a próxima montadora a se juntar ao WRC. A divisão da empresa japonesa sediada em Colônia, na Alemanha, – chamada de TMG – anunciou que está construindo um modelo Yaris de acordo com as especificações do Mundial de Rali e planeja testá-lo ao longo de todo o ano de 2014.

“Pela TMG, nós estamos muito interessados em voltar ao WRC”, disse um representante da Toyota. “Vamos começar a testar nosso Yaris WRC no ano que vem, usando nosso motor 1,6 L turbo. Esse será um programa de baixo perfil, feito para nos dar experiência com o carro e para construir nosso conhecimento na parte técnica do Mundial de Rali”, declarou.

A Toyota está construindo um carro para o WRC (Foto: Divulgação)

Embora o carro já esteja sendo construído, a Toyota afirmou que isso não é garantia de participar do Mundial. Para que isso aconteça, a cúpula da montadora precisa dar o sinal verde para que o plano siga em frente, mas ainda nenhum pedido foi formalizado.

“A decisão final depende do Japão e, no momento, não há um pedido formal ou plano pronto, mas é algo que esperamos que possa acontecer. Nós não decidimos o cronograma da nossa entrada no WRC”, encerrou.

A última vez que a Toyota participou do WRC foi em 1999, quando inscreveu um Corolla. Naquela temporada, Didier Auriol terminou em terceiro, tendo vencido a etapa da China.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube