FIA adia anúncio do calendário da temporada 2014 do WRC. Brasil é candidato a receber etapa

Segundo especulações na imprensa inglesa, Polônia, China e Brasil lutam para sediar uma das etapas do Mundial de Rali. Por outro lado, Itália e Grécia podem deixar o calendário do WRC no ano que vem

O anúncio do calendário oficial da temporada 2014 do WRC foi adiado por pelo menos um mês. A expectativa de pilotos, equipes e organizadores era que o cronograma para o ano que vem fosse revelado pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) nesta semana, após reunião do Conselho Mundial do Automobilismo em Goodwood, na Inglaterra. Entretanto, a entidade decidiu mudar os planos. O Brasil aparece como candidato a sediar um dos 12 eventos previstos para 2014.

De acordo com o site da revista britânica ‘Autosport’, o atraso foi provocado pela burocracia, já que o promotor oficial do WRC ainda trabalha nos detalhes dos contratos para a próxima temporada. Segundo a publicação, cerca de metade dos eventos previstos para 2014 já têm contrato assinado com o WRC.
Em crise, Grécia pode perder sua etapa no WRC em 2014. Brasil é candidato a receber Mundial de Rali (Foto: Citroën Racing/Facebook)

Uma fonte, cuja identidade não foi revelada, disse que “é lamentável que nós não vamos ter o calendário [agora], pois ele ajudaria a esclarecer as coisas para o ano que vem, mas se algumas etapas ainda não estão fechadas, este é o ponto para algum tipo de problema. O que nós precisamos ter certeza é que tenhamos algo em um mês”.

Especulações, publicadas na matéria da ‘Autosport’, dão conta que dois dos atuais eventos do calendário podem ser limados para 2014. Dois dos países envolvidos em crise financeira na atualidade, Itália e Grécia correm risco e podem ser descartados para o ano que vem. Segundo a reportagem, Jean Todt, presidente da FIA, se reuniu com o Automóvel Clube da Itália para discutir o futuro do país no Mundial de Rali.

Por outro lado, China e Polônia, além do Brasil, estão entre os países candidatos para receber uma etapa do WRC. A ideia da FIA é diminuir de 13 para 12 as etapas do calendário do Mundial.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube