Holandês cai e é internado após sofrer parada cardíaca no Dakar

O piloto holandês Edwin Straver foi internado em um hospital de Riad, capital da Arábia Saudita, após sofrer parada cardíaca durante a etapa desta quinta-feira (16) do Rali Dakar. De acordo com informações, ele corre risco de morte

Edwin Straver, piloto holandês de 48 anos, foi internado nesta quinta-feira (16) em um hospital de Riad, na Arábia Saudita, após sofrer acidente na penúltima etapa das motos no Rali Dakar 2020.

Na etapa vencida por Pablo Quintanilla, ele caiu de sua moto e sofreu parada cardíaca de 10 minutos, até ser atendido e transferido, de helicóptero, para a capital saudita – a etapa foi realizada entre Shubaytah e Haradh.

De acordo com o jornal holandês 'ED', Straver precisou ser ressuscitado por médicos – ele ciau quando estava a 50 km/h e fraturou uma de suas vértebras cervicais.

Edwin Straver (Foto: Reprodução/Twitter)

A KTM soltou comunicado sobre o acidente: "Durante a etapa 11 do Dakar 2020, Edwin Straver sofreu acidente e ficou gravemente ferido. (…) Seus companheiros avisaram a organização sobre o ocorrido e o helicóptero médico foi rapidamente ao local para realizar os primeiros socorros. Depois de uma reanimação cardiopulmonar, ele foi transferido a um hospital em Riad, onde luta por sua vida."

Straver estava em 38° nas motos, em sua terceira participação no Dakar – foi 30° no último ano e 48° em 2018.

No último domingo (12), o português Paulo Gonçalves, também das motos, morreu após também sofrer parada cardíaca depois de se acidentar. Ele tinha 40 anos.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube