Piloto polonês escapa do traçado em treino para Rali da Suécia e atinge fotógrafo que cobria segunda etapa do WRC

No shakedown do Rali da Suécia, polonês Michal Solowow escapou da pista e atingiu um fotógrafo credenciado pela FIA. Profissional foi levado ao hospital, mas escapou de lesões mais graves

Um fotógrafo foi hospitalizado após ser atingido por um carro durante o shakedown do Rali da Suécia, segunda etapa para temporada 2015 do Mundial de Rali. 
 
O acidente aconteceu na manhã de quinta-feira (12), perto da cidade de Rada, quando o polonês Michal Solowow perdeu o controle do carro e escapou da pista.
Michal Solowow escapou da pista e atingiu fotógrafo (Foto: EWRC)
Os organizadores da prova confirmaram o acidente, mas destacaram que o fotógrafo, que estava credenciado pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo), não sofreu nenhuma lesão séria.
 
“Às 8h30 [horário local] o competidor polonês Michal Solowow (#18) saiu brevemente da pista antes do fim do estágio e atingiu um fotógrafo credenciado. Os veículos de resgate da organização e uma ambulância estavam no local às 8h53 e verificaram que o homem estava consciente e não tinha lesões sérias”, diz o comunicado da organização.
 
“O fotógrafo foi levado ao hospital em Karlstad para observação e novos exames”, continua o texto. “Nossa avaliação inicial da situação é de que os procedimentos de segurança e rotina funcionaram como o planejado. Vamos continuar monitorando a situação”, conclui.
 
O sueco Magus Nyges, jogador de hóquei no gelo do Montreal Canadiens, testemunhou o acidente e contou ao jornal ‘Expressen’ que o fotografo foi arremessado após ser atingido pela traseira do Ford Fiesta RS WRC de Solowow.
 
“O público estava do lado esquerdo do piloto, mas o fotografo estava a esquerda dele”, contou Nyges. “Quando Solowow rodou, ele atingiu o fotografo com a traseira do carro e ele voou uma distância razoável para dentro da floresta”, relatou.
IDADE PESA NAS PISTAS?

Segundo colocado no Mundial de MotoGP em 2014, Valentino Rossi mostra que é possível atenuar os efeitos da idade e prolongar o auge de um atleta no esporte a motor. Além disso, Jenson Button e Tom Kristensen garantem que o aspecto físico não prejudica. Mas é preciso tomar cuidado especialmente com a motivação, como destaca o australiano Mark Webber, que deixou a F1 aos 37 anos no fim de 2013.

Leia a reportagem completa no GRANDE PRÊMIO

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube