Volkswagen descarta que escândalo de fraude afete envolvimento com WRC e diz que tem “sinal verde para seguir até 2019”

Jost Capito, diretor da Volkswagen Motorsport, garantiu que o escândalo de fraude nos resultados das emissões de poluentes não vai afetar o envolvimento da montadora com o Mundial de Rali. Dirigente afirmou que o time de Sébastien Ogier e Jari-Matti Latvala segue no WRC até, pelo menos, 2019, como estava previsto desde o ano passado

Jost Capito, diretor da Volkswagen Motorsport, divisão esportiva da montadora alemã, afirmou que o escândalo da falsificação de resultados de emissões de poluentes em carros da marca não vai afetar o envolvimento da empresa com o Mundial de Rali.
 
No último dia 20, a Volkswagen admitiu ter enganado a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA, na sigla em inglês) ao instalar, de forma deliberada, um programa de computador que tinha por objetivo burlar os limites de emissões de gases em veículos movidos a diesel. Ao todo, mais de 11 milhões de veículos em todo o mundo foram afetados. 
Jost Capito garantiu que a Volks segue no WRC até 2019 (Foto: Volkswagen)
Só nos Estados Unidos, a multa pode chegar a até US$ 18 bilhões (cerca de R$ 74 bilhões). 
 
Apesar do impacto financeiro do escândalo, Capito assegurou que a montadora não está repensando sua participação no Mundial de Rali. Durante a abertura do Rali da França, em Córsega, o dirigente confirmou que tem autorização para seguir trabalhando com o WRC até 2019, como estava previsto desde o ano passado.
 
“A equipe Volkswagen WRC não podia ser mais bem sucedida, vencendo três Mundiais consecutivos”, disse Capito. “Nós temos sinal verde para seguir com o projeto até 2019 e estamos trabalhando duro para continuarmos sendo o mais bem sucedidos possível no esporte”, completou.
 
A Volks fez história em 2013 ao se tornar a primeira montador a conquistar o título de pilotos e construtores no WRC em um mesmo ano, feito que se repetiu em 2014. Em 2015, com três etapas de antecedência, a Sébastien Ogier, Julen Ingrassia e a montadora alemã conquistaram os títulos de pilotos, copilotos e construtores do Mundial de Rali.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube