Casarini/Mayer vence quinta etapa do Sertões nos UTVs. Rodrigo Varela/Dums segue líder

Depois de uma quarta-feira que tirou da briga dois candidatos ao título, Denísio Casarini e Ivo Renato Mayer voltaram a vencer no Sertões 2020 nos UTVs. Bruno Varela e Gustavo Bortolanza, depois de um dia complicado, terminaram em segundo. Em terceiro na etapa que cruzou o Jalapão, Rodrigo Varela e Gunnar Dums seguem líderes na classificação geral

Etapa 5: Bolha 4/TO a Bolha 5/MA
5 de novembro, quinta-feira
Deslocamento inicial: 99 km
Trecho cronometrado: 277 km
Deslocamento final: 284 km
Total: 660 km

Depois de uma quarta-feira que marcou a queda de duas tripulações candidatas ao título do Sertões nos UTVs, a quinta-feira (5) de quinta etapa do maior rali das Américas em 2020 mostrou uma nova dinâmica na luta pelo título da categoria mais numerosa da competição. Denísio Casarini, em parceria com o navegador Ivo Renato Mayer, concluiu o trecho de 277 km de trecho cronometrado como o mais rápido e acirrou a batalha pela ponta com Rodrigo Varela e Gunnar Dums, que continuam na primeira colocação na classificação geral.

Denísio Nascimento e Idali Bosse, os campeões do Sertões nos UTVs no ano passado, e Bruno Varela e seu navegador, Gustavo Bortolanza, as duas tripulações com veículos da Can-Am, não concluíram a especial de quarta-feira e, por isso, ficaram fora da luta pelo título. Mas isso não significou que a missão de Rodrigo Varela e Gunnar ficou mais fácil.

ASSISTAEmoção com Barrichello, maratona e sorteio: live Motul no Sertões 2020

SERTÕES; SERTÕES 2020; DENÍSIO CASARINI; IVO MAYER;
Denísio Casarini e Ivo Mayer venceram a etapa desta quinta-feira no Jalapão (Foto: Magnus Torquato/Mídias Sertões)

Leia também: De Mogi Guaçu a Barreirinhas e etapa Maratona no início: o roteiro do Sertões 2020
Da luta contra morte ao renascimento: Helena Soares coroa história de um milagre no Sertões

A dupla líder do Sertões largou às 8h54 (de Brasília) para uma especial bastante complicada que teve como grande atrativo a passagem pelo Jalapão, no norte de Tocantins. Ao longo do percurso, contudo, levou a melhor a parceria formada por Casarini e Mayer, que concluiu o trecho cronometrado em 3h44min06s.

Bruno Varela e Gustavo Bortolanza terminaram a especial na segunda posição, com 1min31s de atraso para os líderes, e depois vieram Rodrigo Varela e Gunnar, com tempo total de 3h47min50s, 3min44s de desvantagem para Denísio e Mayer. O top-5 teve mais um dos filhos de Reinaldo Varela: Gabriel Varela, em parceria com Eduardo Shiga, fechou o dia na quarta posição da etapa, enquanto a dupla multicampeã formada por Edu Piano e Sólon Mendes fechou a relação dos cinco primeiros colocados, todos eles a bordo de UTVs Can-Am Maverick.

Com duas especiais para o desfecho do Sertões, Rodrigo Varela e Gunnar têm 17h12min51s de tempo total de prova, mas a vantagem para Casarini e Ivo Mayer ainda é bastante apertada: somente 1min36s de dianteira.

Leia também: Motul une forças com Sertões, traz expertise de lubrificantes e batiza categoria dos fortes

SERTÕES; SERTÕES 2020; RODRIGO VARELA; GUNNAR DUMS; UTV
Rodrigo Varela e Gunnar Dums seguem líderes nos UTVs com dois dias para o fim do Sertões 2020 (Foto: Magnus Torquato/Mídias Sertões)

Rodrigo Luppi e o experiente navegador Maykel Justo, que terminaram a especial desta quinta-feira na nona colocação, estão agora na terceira posição da classificação geral do Sertões nos UTVs, 23min39s atrás de Rodrigo Varela e Gunnar Dums. Marcelo Tomasoni e Breno Resende estão em quarto, enquanto Richard Fliter e André Munhoz seguem em quinto, com a dupla campeã do Dakar formada por Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin quase 5min atrás, na sexta posição.

O Sertões agora está na sua Bolha 5, em Carolina, já no Maranhão, e agora inicia uma viagem que vai se encerrar neste sábado com a chegada aos Lençóis Maranhenses.

Leia no GRANDE PREMIUM
Como Sertões almeja superar Dakar e ser o maior rali do mundo
A galeria com todos os campeões e as lendas do Sertões

Sertões 2020, classificação geral após cinco etapas, UTVs:

1RODRIGO VARELA
GUNNAR DUMS
CAN-AM MAVERICK X3 XRS 17:12:51 
2DENÍSIO CASARINI
IVO RENATO MAYER
CAN-AM MAVERICK X3 17:14:27+0:01:36
3RODRIGO LUPPI
MAYKEL JUSTO
CAN-AM MAVERICK X3 XRC 17:36:31+0:23:40
4MARCELO TOMASONI
BRENO RESENDE
CAN-AM MAVERICK X3  17:43:33+0:30:42
5RICHARD FLITER
ANDRÉ MUNHOZ
CAN-AM MAVERICK X3 17:43:47+0:30:56
6REINALDO VARELA
GUSTAVO GUGELMIN
CAN-AM MAVERICK X3 XRS 17:48:01+0:35:10
7GABRIEL CESTARI
JHONATAN ARDIGO
CAN-AM MAVERICK X3 XRS 17:51:18+0:38:27
8SILVIO MARTINS
WINICIUS MARTINS
CAN-AM MAVERICK X3 18:11:17+0:58:26
9LUIS EDUARDO TIBURCIO
EDUARDO BARROS
CAN-AM MAVERICK X3 XRS 18:13:05+1:00:14
10GUSTAVO ZANFORLIN
RODOLPHO COSTA
CAN-AM MAVERICK X3 18:16:21+1:03:30

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube