Com Honda, Zavatti completa na frente primeira especial do Sertões nas motos

Júlio César ‘Bissinho’ Zavatti foi o mais rápido no trecho de 205 km de especial que atravessou a Serra da Canastra e terminou em Minas Gerais. Ricardo Martins, da Yamaha, foi o segundo, enquanto o heptacampeão Jean Azevedo, também da Honda, fechou o top-3

Leia no GRANDE PREMIUM
Como Sertões almeja superar Dakar e ser o maior rali do mundo
A galeria com todos os campeões e as lendas do Sertões

Etapa 1: Velocitta até ponto do deslocamento para Bolha 1
31 de outubro, sábado
Deslocamento inicial: 260 km
Trecho cronometrado: 205 km
Deslocamento final: 120 km
Total: 585 km

Se o prólogo deu o indicativo, a primeira especial da edição 2020 do Sertões reforçou que a disputa das motos vai ser um grande duelo entre Honda e Yamaha. E no começo da tarde deste sábado (31), levou a melhor a marca que detém a hegemonia do maior rali das Américas desde 2015. Piloto da Honda Racing, Júlio César ‘Bissinho’ Zavatti foi o mais rápido da etapa que atravessou a Serra da Canastra e terminou em Minas Gerais, com tempo total de 3h49min18s. Ricardo Martins, vencedor do prólogo da sexta-feira com a Yamaha IMS, foi o segundo colocado, 24s atrás de Zavatti.

A etapa que marcou a saída do Sertões do Velocitta, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo, teve um deslocamento inicial de 260 km antes do início propriamente dito do trecho cronometrado, de 205 km.

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

BISSINHO ZAVATTI; HONDA; SERTÕES;
Bissinho Zavatti foi o mais rápido da primeira especial do Sertões nas motos (Foto: Victor Eleutério/Mundo Press)

Foi uma especial atravessando uma região montanhosa e em estrada de piçarras. Logo no km 30, veio a subida da serra, com lajes de pedra e abismos de todos os lados, onde a navegação vai ser fundamental.

Já a partir do km 100, os pilotos e navegadores tiveram pela frente com estradas vicinais bastante estreitas dentro de pequenas fazendas, sendo concluído com um trecho bastante rápido no desfecho da etapa.

Leia também: Motul une forças com Sertões, traz expertise de lubrificantes e batiza categoria dos fortes

Heptacampeão do Sertões, Jean Azevedo, também da Honda Racing, foi o terceiro colocado. Em sua 25ª participação na prova, o piloto natural de São José dos Campos registrou 3h49min43s, somente 1s mais lento na comparação com Martins. Jean foi seguido pelo atual bicampeão do Sertões, Tunico Maciel, que também compõe a equipe de fábrica da Honda e guia uma CRF450 RX.

Na sequência, completaram três pilotos com motos da Yamaha. Com o numeral #5, Túlio Malta fechou na quinta posição com a WR 450F e tempo total de 3h51min08s, seguido por Bruno Leles, que leva o numeral #8 e compete pela equipe Use Motos Rally Team, e Luciano Gomes, com o numeral #10, em sétimo. Emerson Loth, da equipe Mult Racing, foi o oitavo a bordo de uma moto KTM 450 EXC-F, seguido pelo companheiro de equipe Rami Sfredo.

Leia também: De Mogi Guaçu a Barreirinhas e etapa Maratona no início: o roteiro do Sertões 2020
Da luta contra morte ao renascimento: Helena Soares coroa história de um milagre no Sertões

Thiago Veloso, piloto que tem um histórico de tradição no enduro e que foi chamado pela Honda Racing para disputar o Sertões no lugar de Gregório Caselani, lesionado, foi o décimo na especial deste sábado.

Agora, pilotos e equipes de apoio das motos se preparam para o deslocamento até a chamada Bolha 1, localizada em Brasília, em percurso estimado em 580 km. Por tal razão, o Sertões não terá especial neste domingo, retomando na segunda-feira com a primeira parte da etapa Maratona, batizada como Renê Melo.

Sertões 2020, classificação após etapa 1, motos:

1J ZAVATTIHonda CRF 450 RX3:49:18 
2R MARTINSYamaha WR 450 F3:49:420:00:24
3J AZEVEDOHonda CRF 450 RX3:49:430:00:25
4T MACIELHonda CRF 450 RX3:49:580:00:40
5T MALTAYamaha WR 450 F3:51:080:01:50
6B LELESYamaha WR 450 F3:53:180:04:00
7L GOMESYamaha WR 450 F3:53:570:04:39
8E LOTHKTM 450 EXC-F3:54:250:05:07
9R SFREDOKTM 450 EXC3:55:250:06:07
10T VELOSOHonda CRF 250F3:55:320:06:14

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube