Ogier supera Evans em dramático Power Stage e vence Rali da Croácia por apenas 0s6

O desfecho do Rali da Croácia foi espetacular. Sébastien Ogier superou até mesmo um acidente de trânsito no começo deste domingo, remou, tirou a vantagem para Elfyn Evans e completou a prova em Zagreb com exibição de gala no Power Stage para sair com a vitória ao lado de Julien Ingrassia

Sébastien Ogier e Julien Ingrassia se envolveram em um acidente de trânsito no deslocamento para a especial 17 do Rali da Croácia (Vídeo: Twitter)

Terceira etapa da temporada 2021 do WRC, o Rali da Croácia teve um desfecho espetacular neste domingo (25) em Zagreb. A prova foi decidida na última especial, o Power Stage, que distribui pontos extra para os cinco primeiros colocados. Em final dramático, Sébastien Ogier brilhou ao lado do navegador Julien Ingrassia no percurso de 14,09 km, marcou 8min14s e aguardou a vez do então líder, Elfyn Evans. O galês, ao lado do copiloto Scott Martin, cometeu erros na sua passagem, ficou 4s5 atrás da tripulação francesa e viu os companheiros de equipe conquistarem uma vitória incrível, com apenas 0s6 de vantagem.

Dobradinha da Toyota em um domingo de foi do inferno ao céu para o heptacampeão mundial. De quebra, Ogier somou cinco pontos extras por ter vencido o Power Stage deste domingo.

O resultado foi o terceiro mais apertado da história do Mundial de Rali, só atrás do Rali da Jordânia de 2011, com Ogier e Jari-Matti Latvala (que hoje exerce a função de chefe de equipe da Toyota) separados por apenas 0s2, e o Rali da Nova Zelândia de 2007, com Marcus Grönholm e Sébastien Loeb separados por somente 0s6.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

SÉBASTIEN OGIER; JULIEN INGRASSIA; RALI DA CROÁCIA; WRC;
Sébastien Ogier e Julien Ingrassia conquistaram vitória épica no Rali da Croácia (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

Ogier parecia ter tudo perdido na disputa pela vitória depois do acidente de trânsito que se envolveu na manhã deste domingo. O heptacampeão mundial virou o sábado com 6s9 de vantagem para Evans, mas os prejuízos aerodinâmicos do Toyota Yaris em razão do acidente fizeram com que o francês perdesse performance. Na penúltima especial, Evans tinha 3s9 de frente para Ogier, enquanto Thierry Neuville, da Hyundai, aparecia em terceiro, 8s atrás.

Ogier precisava tirar tudo em termos de performance na especial decisiva e ainda contar com eventuais erros do seu adversário. Deu tudo certo para o francês, que conquistou sua vitória 51 no Mundial de Rali, a segunda na temporada 2021.

Evans terminou em segundo lugar, enquanto Neuville confirmou o pódio com a Hyundai com 8s1 de desvantagem para o vencedor. Ott Tänak, também da Hyundai. Adrién Formaux, que corre com o Ford Fiesta da equipe britânica M-Sport, foi o quinto colocado no Rali da Croácia.

Na classificação do campeonato, Ogier tem agora 61 pontos, contra 53 de Neuville e 51 de Evans. Tänak aparece em quarto e acumula 40 tentos, enquanto Kalle Rovanperä fecha o top-5 com 39.

O Mundial de Rali volta a acelerar em pouco menos de um mês, entre 21 e 23 de maio com a disputa do tradicional Rali de Portugal.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube