Ansioso por decisão em SP, Serra mostra respeito a rivais Maurício, Cacá e Camilo: “Vão chegar bem”

Favorito para conquistar seu primeiro título na Stock Car, piloto da Red Bull admite ansiedade por disputa da Corrida do Milhão, elogia adversários na luta pelo título e se mostra orgulhoso de bom ano, "independente do que aconteça neste final de semana"

 
Cada vez mais perto da chance de conquistar seu primeiro título na Stock Car, Daniel Serra não escondeu a ansiedade pela prova deste domingo (15), em Interlagos. A Corrida do Milhão, que encerra a temporada 2013 da categoria, decidirá também o campeão do ano. Além de Serra, Cacá Bueno, Ricardo Maurício e Tiago Camilo seguem na briga.
 
O próprio piloto admitiu uma tensão extra pela decisão. "Putz, dá uma ansiedadezinha, né? Aquela ansiedade de sentar e ver como é que vai estar o carro", disse o piloto da Red Bull ao GRANDE PRÊMIO, nesta sexta-feira (13), em Interlagos. "Mas estou com muita vontade de andar. Estou que nem criança no kart, querendo sentar logo no kart, começar logo a andar, disputar, correr… Acho que vai ser legal", enfatizou.
 
Candidato ao título, Serra também destacou a vantagem de não precisar se preocupar tanto com a combinação de resultados que lhe daria a taça, já que depende apenas de si mesmo para colocar seu nome na lista de campeões da Stock Car. "O bom é que a gente não precisa fazer muita conta, então é uma coisa a menos para se preocupar", comentou. Quatro pontos atrás de Camilo, Serra é campeão se vencer.
Carro de Daniel Serra nos boxes em Interlagos (Foto: Felipe Tesser/Grande Prêmio )

Apesar da pesada concorrência de dois campeões – Cacá e Maurício – e de um piloto sempre veloz e competitivo como Camilo, Serra não se intimida, mas também não vê um nome de destaque entre seus rivais: para eles, todos são perigosos.

 
"Não é querendo ser politicamente correto, mas não dá para falar em um só. Os três sempre andam bem em Interlagos, os três andaram bem durante o ano inteiro, a gente estava ali sempre trocando as primeiras posições… Então não dá para falar um, assim. Os três vão chegar bem", elogiou. "Quanto mais para trás estiver todo mundo, melhor."
 
Apesar da expectativa do título, contudo, Serra se sente orgulhoso de sua temporada, mesmo que não seja campeão. "Foi, sem dúvida nenhuma foi meu melhor ano. Independente do que aconteça neste final de semana, o ano não vai ter deixado de ser bom ou ruim. Realmente foi um ano muito bom, independente do que acontecer nesta etapa, estou bem satisfeito com o ano que eu tive, mas espero fechar com chave de ouro."
 
Um fator que pode ser decisivo na etapa final da Stock Car em 2013, para Serra, é o aspecto climático – além, naturalmente, do acerto do carro. "A previsão é boa para o fim de semana todo, pelo menos é o que mostra. Então, acho que vai ser trabalhar bem durante os treinos para chegar com o melhor carro possível na classificação e largar na frente."
 
Ser campeão inédito, para Serra, também seria um bom feito para mudar as cartas da Stock Car. "É sempre bom dar uma renovada", encerrou o piloto da Red Bull.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube