Átila repete domínio e fica com pole para etapa de Curitiba. Na estreia, Barrichello larga em 15°

Átila Abreu comprovou a boa performance em Curitiba mais uma vez e, no início da tarde deste sábado (20), cravou a pole-position para a etapa paranaense da Stock Car, a décima do calendário 2012. Valdeno Brito, como de costume, também se mostrou forte no traçado da capital do Paraná e larga em segundo. Rubens Barrichello, o estreante da vez, obteve o 15° lugar

Átila Abreu continuou dando as cartas em Curitiba neste início de tarde de sábado (20). Depois de ter liderado o último treino livre do fim de semana, o paulista voltou a andar forte no traçado paranaense e, quando foi para valer, não decepcionou. Átila entrou na fase decisiva da classificação com o quarto tempo e, no fim do Q2, assinalou com 1min20s833 para garantir a posição de honra do grid de largada. A marca superou em 0s071 o tempo obtido por Valdeno Brito, que costumeiramente anda muito bem na pista curitibana. Como prêmio, o paraibano vai dividir a primeira fila com Átila neste domingo.
 

Abreu cravou a pole para a etapa de Curitiba (Foto: Fernanda Freixosa)

► Veja as melhores imagens deste sábado da Stock Car em Curitiba

Daniel Serra também se manteve competitivo na sessão que definiu as posições de largada e obteve o terceiro lugar, logo à frente de Thiago Camilo. O líder do campeonato, Cacá Bueno, vai abrir a terceira fila, com o quinto posto e terá a seu lado o carioca Tuka Rocha. Ricardo Maurício, Nonô Figueiredo, Luciano Burti e Ricardo Zonta completaram a lista dos dez primeiros. Estreando na Stock Car neste final de semana, Rubens Barrichello colocou o carro 17 de Mauricio Ferreira no 15° lugar do grid.

Confira como foi a classificação da Stock Car em Curitiba neste sábado

Os pilotos da Stock Car foram à pista de Curitiba no início da tarde deste sábado (20) já com condições de pista seca, graças à trégua da chuva, que marcou o treino livre final, realizado pela manha. E os primeiros momentos da classificação viram os dois carros da JF na ponta da tabela, com Antonio Pizzonia à frente de Pedro Boesel, mas as marcas de ambos, na casa de 1min24 se 1min25s, eram ainda irreais. E quem primeiro bateu em tempo mais competitivo foi Rodrigo Sperafico que se colocou na ponta com 1min21s541.

Porém, a liderança foi rapidamente retomada por Pizzonia, que rodava em 1min21s255, superando em 0s286 o gêmeo do carro 19. Tuka Rocha, Ricardo Sperafico, Pedro Boesel e Patrick Gonçalves formavam os seis primeiros. Mas aí Tuka virou 1min21s049 e saltou para primeiro, mas viu o posto de líder passar quase que minuto depois para as mãos de Ricardo Zonta, o primeiro a virar em 1min20s894. E assim o grupo se despediu da pista. Rocha, Ricardo, Vitor Meira e Rubens Barrichello ainda melhoraram no fim e completaram os cinco melhores.

O treino para o segundo grupo teve um início agitado, com todo mundo indo logo à pista, mas sem nenhuma grande modificação no topo da tabela de tempos. E coube a Luciano Burti ser o primeiro a se infiltrar entre os pilotos do grupo inicial. Com o tempo de 1min21s008, o comentarista de F1 logo apareceu em terceiro. Daí para frente, Valdeno Brito também abiu caminho e, com apenas três voltas muito rápidas, registrou 1min20s808, para ficar em primeiro. Thiago Camilo já era terceiro. Zonta ainda se segurava entre eles.

E a sessão esquentou mesmo nos três minutos finais, quando Átila Abreu virou 1min20s857 e encostou em Brito. A diferenca entre eles era de apenas 0s049. Nonô Figueiredo, Burti, Cacá Bueno e Ricardo Maurício trataram já de passar para o top-10, deixando apenas Zonta e Ricardo Sperafico como únicos remanescentes do grupo 1.
 

Rubens Barrichello vai largar em 15° neste domingo em Curitiba (Foto: Miguel Costa Jr./MF2)

Nonô ainda surgiu forte com 1min20s785 e passou a liderar o Q1. Serrinha seguiu o rival e pulou para segundo no minuto final, com a infame diferença de 0s002. Valdeno fechou mesmo em terceiro, à frente de Átila. Zonta, Camilo, Rocha, Burti, Cacá e Maurício completaram os classificados para a disputa da pole. Barrichello, por sua vez, ficou a pouco mais de quatro décimos do tempo de Nonô e vai largar em 15° neste domingo.

Os dez minutos finais da briga pela posição de honra do grid foram dominados por Átila Abreu. Quando foi para valer mesmo, o paulista não deu chances a ninguém. Abreu apareceu na liderança com 1min20s863 e ainda melhorou em 0s030 nos instantes finais para assegurar a pole. Valdeno bem que tentou acompanhar o rival, mas não teve jeito, vai dividir com ele a primeira fila, na segunda posição. Serrinha de novo mostrou grande desempenho em Curitiba e ficou em terceiro, com Camilo em quarto. Cacá será o quinto do grid amanhã. A largada está marcada para as 9h35, no horário de Brasília.

Stock Car, Etapa de Curitiba, grid de largada:

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube