Baptista quase bate ídolo Barrichello e promete: se ficar na Stock Car, briga pelo título

Bruno Baptista brigou pela vitória da corrida 2 no Velopark até o fim - inclusive arriscando uma ultrapassagem contra Rubens Barrichello. Não deu, mas o piloto se empolgou: para ele, se seguir na Stock Car, a evolução o colocará na briga pela taça

A corrida 2 no Velopark, no último domingo (15), teve um "duelo de gerações": Rubens Barrichello, 47 anos, batalhou contra Bruno Baptista, 22, até o fim. O experiente venceu, mas o jovem da RCM ficou feliz em ter conseguido mostrar serviço contra um ídolo pessoal. 

Ao GRANDE PRÊMIO, após a prova, Baptista comentou sobre como, inclusive, recebe conselhos de Barrichello na Stock Car. E que isso tem influÊncia em sua evolução. O segundo lugar no Sul foi seu segundo pódio na temporada. 

"Com certeza o Rubinho foi um ídolo para mim. Quando ele estava lá na Ferrari, eu estava assistindo com meu pai, de manhã em casa, todos os dias e corria de kart. É um prazer correr com ele, eu estou aprendendo, ele já me deu vários conselhos na pista – e eu só tenho que ouvi-lo. É um cara sensacional", afirmou o piloto da RCM.

Bruno Baptista viveu uma grande jornada no Velopark (Foto: Duda Bairros/Stock Car)
Paddockast #33
10 ANOS DE SECA BRASILEIRA NA F1

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

"Um dia eu espero fazer uma equipe com ele, ser companheiro de equipe dele, para estar com esse cara fenomenal. É isso. Quando estou na pista e o vi, mas na verdade o foco é tão grande que você nem sabe quem é o cara na frente, você só quer passar", seguiu, lembrando a briga pela vitória – ele, aliás, arriscou ultrapassagem sobre o #111 no final, mas não conseguiu a vantagem, escapando da pista.

A empolgação pela boa prova foi tamanha que Baptista já pensa em 2020. Bem posicionado na tabela deste ano, com 126 pontos, na décima colocação, ele quer garantir vaga no grid para o ano que vem. E, se conseguir, quer ir longe.

"Precisa respeitar o Rubinho, a história dele é fantástica, mas estou chegando neles e se eu estiver nessa categoria ano que vem pode ter certeza que estarei brigando pelo campeonato", concluiu.

Bruno Baptista trava duelo de gerações com Rubens Barrichello (Foto: Duda Bairros/Stock Car)

A Stock Car volta à ativa entre 18 e 20 de outubro com a disputa da nona etapa do campeonato no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel. O GRANDE PRÊMIO cobre 'in loco' a temporada 2019 com o repórter Felipe Noronha. Siga tudo aqui.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube