Stock Car
04/11/2016 18:30

Com Átila e Zonta na TMG, Valdeno se garante e fecha com equipe de Carlos Alves para 2017 na Stock Car

O GRANDE PRÊMIO apurou que a equipe de Carlos Alves, que conta com a cerveja premium Einsenbahn como principal patrocinadora, terá Valdeno Brito como seu novo piloto em 2017. O paraibano faz grande temporada na Stock Car, ocupa a terceira colocação no campeonato e ainda ostenta chances de título correndo pela TMG, que terá Átila Abreu e Ricardo Zonta nos seus carros no ano que vem
Warm Up, de Goiânia / FERNANDO SILVA, de Goiânia
 Valdeno Brito brilhou em casa e foi o grande alvo das selfies dos fãs (Foto: André Santos)

Valdeno Brito é um dos muitos pilotos que terá casa nova na Stock Car em 2017. O paraibano, que vem sendo um dos grandes destaques da atual temporada e ocupa a terceira colocação no campeonato, só atrás de Felipe Fraga e Rubens Barrichello, vai defender a equipe de Carlos Alves no ano que vem, apurou o GRANDE PRÊMIO. Valdeno precisou mudar de equipe depois que a Shell anunciou a saída da equipe de Rodolpho Mattheis para levar os pilotos Átila Abreu e Ricardo Zonta para a TMG, time sediado em Americana e que é chefiado pelo engenheiro Thiago Meneghel.
 
Pela equipe de Carlos Alves, que conta com o patrocínio da cerveja premium Einsenbahn, de propriedade da Brasil Kirin, Valdeno vai estampar o #77 e terá de abrir um novo ciclo. No ano passado, o piloto encerrou um vínculo de quatro anos com a Shell/A.Mattheis, que acabou contratando Átila para o seu lugar. 
 
Brito, então, teve de procurar um novo lugar para dar sequência à sua carreira na Stock Car. No fim do ano passado, conseguiu fechar acordo com a TMG — antiga AMG — e ajudou a levar patrocínios importantes, como da financeira Help e da gigante petrolífera malaia Petronas.
Valdeno Brito terá casa nova na temporada 2017 da Stock Car (Foto: Duda Bairros)
O casamento entre Valdeno e a TMG funcionou desde o começo. Vieram pódios nas etapas do Velopark (corrida 2), Goiânia (corrida 1), Corrida do Milhão, em Interlagos, e na etapa em casa, na corrida 1 em Londrina. Ao todo, Brito soma 167 pontos e só está atrás do líder Felipe Fraga e de Rubens Barrichello. Um casamento vencedor, mas que já tem data para terminar: 11 de dezembro com a etapa final da temporada 2016 da Stock Car.
 
O GRANDE PRÊMIO apurou também que a Petronas, uma das empresas que patrocina Valdeno na TMG em 2016, não deve seguir com o paraibano para a Carlos Alves no ano que vem por motivo de uma política da petrolífera, que é de não mesclar o nome da sua marca com o de bebidas.
 
Depois de contar com o jovem Guga Lima como seu companheiro de equipe nesta temporada, Valdeno deverá ter Vitor Genz ao seu lado nos boxes do time de ‘Carlão’ no ano que vem. O gaúcho vem tendo uma boa temporada, já subiu ao pódio neste ano e vem tendo uma boa sequência nos pontos, se colocando em décimo no campeonato. 
Valdeno vai correr pela equipe de Carlos Alves na próxima temporada da Stock Car (Foto: Duda Bairros/Vicar)
Néstor ‘Bebu’ Girolami, por sua vez, deve arrumar as malas e seguir rumo ao Mundial de Carros de Turismo no ano que vem. O argentino, bicampeão do Super TC2000, agradou quando teve a chance de correr a etapa de Motegi pela Volvo e tem proposta para fazer toda a temporada, além de ter ofertas para voltar a disputar a categoria onde ganhou os títulos nos dois últimos anos.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha ‘in loco’ o desenrolar do fim de semana da etapa de Goiânia, a décima da temporada 2016 da Stock Car.