‘Dono da casa’, Valdeno supera Gomes por meros 0s005 e lidera primeiro treino livre da Stock Car em Londrina

Com a chance de voltar a correr em casa depois de quatro anos, Valdeno Brito começou com tudo o fim de semana da oitava etapa da Stock Car em 2016. O paraibano radicado há dez anos em Londrina marcou o melhor tempo do primeiro treino livre, sendo apenas 0s005 mais rápido que o atual campeão, Marcos Gomes

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Dentre todos os pilotos do grid, quem mais esperava pelo retorno da Stock Car a Londrina era Valdeno Brito. Paraibano de nascimento e radicado na ‘Capital do Café’ há dez anos, o experiente piloto da TMG, que vive grande fase no campeonato, confirmou o bom momento e abriu o fim de semana da melhor forma: na frente. Valdeno liderou o primeiro treino livre da oitava etapa do campeonato, realizado na manhã deste sábado (24) no Autódromo Internacional Ayrton Senna. Contudo, engana-se quem pensa que a vida de Brito foi fácil. A diferença do seu tempo para a marca do segundo colocado, o atual campeão da Stock Car, Marcos Gomes, foi irrisória: meros 0s005.
 
Max Wilson garantiu o terceiro melhor tempo, refletindo o grande equilíbrio na Stock Car, com apenas 0s063 de diferença para o líder. A RC teve, de fato, uma boa performance nesta manhã, com Ricardo Maurício fechando em quarto. Diego Nunes, um dos bons nomes da temporada, completou o top-5, deixando para trás pilotos como Cacá Bueno, sétimo colocado, e Felipe Fraga. O líder da temporada veio logo em seguida, com o oitavo melhor tempo da manhã.
 
O segundo treino livre da Stock Car está marcado para 11h20 (horário de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo 'in loco'.

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Valdeno Brito começou bem o fim de semana na Stock Car (Foto: Duda Bairros/Vicar)
Saiba como foi o primeiro treino livre da Stock Car em Londrina
 
Sob forte calor desde as primeiras horas da manhã, a Stock Car iniciou seu retorno a Londrina com a disputa do primeiro treino livre do fim de semana neste sábado. Muitos dos pilotos do grid estavam na pista pela primeira vez com um carro da Stock Car, casos, por exemplo, de Felipe Fraga e Rafael Suzuki, dentre tantos outros. Não à toa, as atividades começaram com um experiente nome no topo: Daniel Serra.
 
Serrinha, que vem fazendo suas últimas corridas pela Red Bull antes de trilhar um novo rumo em sua carreira na Stock Car, abriu a sessão com 1min12s393. A título de comparação, o tempo da última pole lograda em Londrina, em 2012, por Cacá Bueno, foi de 1min10s217. Fatalmente os tempos seriam reduzidos nos minutos seguintes da sessão.
 
O G1 era formado, além de Serrinha, por Thiago Camilo, Ricardo Maurício, Denis Navarro, Felipe Fraga, Julio Campos, Vitor Genz, Allam Khodair, Sergio Jimenez, Ricardo Zonta, Raphael Abbate, Danilo Dirani, Bia Figueiredo e o dono da casa, Valdeno Brito, paraibano radicado em Londrina há dez anos.
 
Na disputa entre os experientes pela ponta, Serra foi superado por Maurício, que, em sua décima volta, marcou 1min12s059. Alam Khodair vinha com bom rendimento e mostrava isso na pista ao bater Camilo e assumir a terceira posição. Porém, pouco tempo depois, o ‘Japonês Voador’ da Full Time apresentava problemas em seu carro, que vinha lento na pista londrinense.
 
Fraga, em sua primeira vez em Londrina como piloto da Stock Car, não decepcionava. Mesmo sem ter a experiência dos seus pares no Autódromo Ayrton Senna, o líder do campeonato mostrava bom ritmo e conseguia fazer uma boa marca nos minutos finais da sessão para o Grupo 1, se colocando em terceiro, logo à frente de Khodair, com 1min12s228.
 
Mas, nos segundos finais, o ‘dono da casa’ aliou o conhecimento da pista à larga experiência para fechar a primeira parte do treino na frente: Valdeno Brito, já na bandeirada final, fez uma grande volta e cravou 1min11s896, superando Maurício em 0s163. No fim da sessão, Fraga ainda conseguiu Serrinha e manteve um bom top-3, abrindo de forma positiva o fim de semana em Londrina.
 
O grid de 29 carros foi fechado pelos pilotos do Grupo 2, que era composto por Néstor ‘Bebu’ Girolami, Rubens Barrichello, Galid Osman, Diego Nunes, Max Wilson, Felipe Lapenna, Tuka Rocha, Rafael Suzuki, Lucas Foresti, Gabriel Casagrande, Popó Bueno, Átila Abreu, Guga Lima, o atual campeão, Marcos Gomes, e o dono do maior número de vitórias na atualidade na Stock Car em Londrina: Cacá Bueno.
 
O primeiro piloto do G2 a se destacar foi justamente Gomes, que completava sua primeira boa volta em 1min12s644, subindo de cara para o décimo lugar no geral. Em seguida, porém, Marquinhos ganhava a concorrência de Galid Osman, que aparecia bem nas primeiras voltas com o #28 da equipe RCM.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Mas, pouco depois, Max Wilson emendou uma grande sequência de voltas em Londrina e encostou em Valdeno. Com 1min11s959, o piloto da RC ficou a apenas 0s063 da marca do líder e subiu para a segunda posição, com seu companheiro de equipe, Maurício, completando o top-3.

 
Gomes, porém, mostrava força e também tinha bom ritmo. O piloto colocou o carro #80 da Cimed Racing em quarto lugar na tabela de tempos após cravar 1min12s101, 0s205 atrás da marca de Valdeno. Em seguida, Marquinhos melhorava ainda mais sua volta e subia para terceiro, superando Maurício. Enquanto isso, Cacá Bueno, dono de quatro vitórias em Londrina, também se colocava entre os primeiros: o pentacampeão da Stock Car subia para quinto lugar.
 
A cruzada de Gomes pelo melhor tempo continuava a todo vapor. Depois de subir para quarto e depois, terceiro, Marquinhos conseguia bater o tempo de Max e avançava ao segundo lugar. A diferença que o separava de Valdeno era mínima, quase nula: meros 0s005. Nos minutos finais, Diego Nunes foi outro piloto a se destacar, cavando um lugar no top-5 e confirmar a boa fase nesta temporada.

Stock Car, Londrina, primeiro treino livre: 

1 77 VALDENO BRITO PB TMG Chevrolet 1:11.896   19
2 80 MARCOS GOMES SP CIMED Peugeot 1:11.901 +0.005 26
3 65 MAX WILSON SP RC Chevrolet 1:11.959 +0.063 22
4 90 RICARDO MAURÍCIO SP RC Chevrolet 1:12.059 +0.163 18
5 70 DIEGO NUNES SP BASSANI Chevrolet 1:12.140 +0.244 20
6 51 ÁTILA ABREU SP A.MATTHEIS Chevrolet 1:12.157 +0.261 23
7 0 CACÁ BUENO RJ RED BULL Chevrolet 1:12.194 +0.298 19
8 88 FELIPE FRAGA PA CIMED Peugeot 1:12.196 +0.300 27
9 29 DANIEL SERRA SP RED BULL Chevrolet 1:12.214 +0.318 24
10 21 THIAGO CAMILO SP RCM Chevrolet 1:12.239 +0.343 20
11 18 ALLAM KHODAIR SP FULL TIME Chevrolet 1:12.241 +0.345 24
12 8 RAFAEL SUZUKI SP VOGEL Chevrolet 1:12.313 +0.417 25
13 28 GALID OSMAN SP RCM Chevrolet 1:12.329 +0.433 22
14 12 LUCAS FORESTI DF FULL TIME PRO GP Chevrolet 1:12.413 +0.517 24
15 5 DENIS NAVARRO SP VOGEL Chevrolet 1:12.442 +0.546 25
16 25 TUKA ROCHA SP RZ Chevrolet 1:12.455 +0.559 24
17 110 FELIPE LAPENNA SP HOT CAR Chevrolet 1:12.538 +0.642 19
18 10 RICARDO ZONTA PR A.MATTHEIS Chevrolet 1:12.561 +0.665 17
19 46 VITOR GENZ RS CARLOS ALVES Peugeot 1:12.598 +0.702 22
20 73 SÉRGIO JIMENEZ SP CAVALEIRO Peugeot 1:12.663 +0.767 22
21 4 JÚLIO CAMPOS PR C2 Chevrolet 1:12.670 +0.774 16
22 111 RUBENS BARRICHELLO SP FULL TIME Chevrolet 1:12.686 +0.790 21
23 56 DANILO DIRANI SP RZ Chevrolet 1:12.702 +0.806 25
24 63 NESTOR GIROLAMI ARG CARLOS ALVES Peugeot 1:12.738 +0.842 23
25 83 GABRIEL CASAGRANDE PR C2 Chevrolet 1:12.772 +0.876 24
26 74 POPÓ BUENO RJ CAVALEIRO Peugeot 1:12.880 +0.984 19
27 26 RAPHAEL ABBATE SP HOT CAR Chevrolet 1:13.060 +1.164 21
28 9 GUGA LIMA PR TMG Chevrolet 1:13.178 +1.282 21
29 3 BIA FIGUEIREDO SP BASSANI Peugeot 1:14.187 +2.291 13
PADDOCK GP #47 DISCUTE F1, FINAL DA INDY E FALA SOBRE ALEX ZANARDI

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube