Stock Car

Esposa de Serra vibra com bi da Stock Car e diz que festa “é o que paga toda adrenalina e todo trabalho”

Presente em todas as etapas da Stock Car ao lado de Daniel Serra, Rafaela (e os filhos, Lucas e Felipe) comemorou muito o título do piloto no último domingo (9) em Interlagos. E comentou sobre como a festa do bicampeonato compensa todo o trabalho e as horas vividas nos autódromos pelo país

Warm Up, de São Paulo / FELIPE NORONHA, de Interlagos
Daniel Serra se tornou, no último domingo (9), bicampeão da Stock Car (de forma consecutiva) ao terminar em quarto a etapa final em Interlagos. E a comemoração teve a presença, como todas as outras etapas da temporada, de Rafaela, esposa do piloto - e se ela esteve sempre ao lado de Serra, é justo que faça a análise do que significa um ano de busca pela taça.

Foi isso que o GRANDE PRÊMIO fez no momento em que Serra levantou a taça do bi: perguntou à Rafaela se é aquele momento "que paga" todo o tempo gasto em autódromos e viagens.
Daniel Serra e sua família: Rafaela (esposa), os filhos Lucas e Felipe e Chico Serra (Foto: Duda Bairros/Vicar)
"É isso que paga. Chegar aqui onde a gente está hoje é muito trabalho por trás. É muito com a equipe, em casa, treinamento físico, é muita coisa para chegar onde a gente chegou aqui, onde ele chegou aqui", disse ela, sempre ao lado de Lucas e Felipe, os filhos do casal, também presentes na maioria das etapas do ano.

"Então vale tudo, vale tudo. Toda a adrenalina, o cansaço... Muito feliz", resumiu Rafaela.

Rafaela também comentou sobre como, após dois anos de título, fica a expectativa para uma nova tentativa em 2019. "Se Deus quiser (será possível), porque a Stock Car é muito competitiva."
Daniel Serra levanta o troféu de campeão (Foto: Duda Bairros/Stock Car)
"Cada corrida é uma corrida e a gente vai um dia de cada vez trabalhando, que é o segredo, eu acho: nunca parar de trabalhar para crescer cada vez mais  Então é isso, muito orgulho, muito trabalho e vamos para a próxima", finalizou.

Serra ganhou o título com 338 pontos, 28 à frente de Felipe Fraga, o vice. O top-5 foi completado por Julio Campos, Rubens Barrichello e Max Wilson.

GRANDE PRÊMIO cobriu ‘in loco’ a etapa final da Stock Car em Interlagos com Felipe Noronha, Fernando Silva e Rodrigo Berton.