Stock Car

Eurofarma renova com Wilson e Maurício e anuncia terceiro carro com Serra na RCM na temporada 2017 da Stock Car

A farmacêutica Eurofarma confirmou nesta sexta-feira a sua nova estrutura na Stock Car. A partir da próxima temporada, serão três os carros da equipe chefiada por Rosinei Campos, da seguinte forma: Ricardo Maurício e Max Wilson seguem na RC, enquanto Daniel Serra assume um lugar na RCM, que atualmente conta com Thiago Camilo e Galid Osman. Assim, nos próximos dias a petrolífera Ipiranga deverá anunciar seus novos rumos na principal categoria do automobilismo nacional
Warm Up, de Curitiba / FERNANDO SILVA, de Curitiba
 Max Wilson e Ricardo Maurício saúdam o mais novo nome da Eurofarma na Stock Car: Daniel Serra (Foto: Vanderley Soares)

Daniel Serra terá nova casa na Stock Car em 2017. Depois de disputar nada menos que dez temporadas como piloto da Red Bull, o paulista de 32 anos vai deixar o azul de lado e passar a vestir o amarelo da farmacêutica Eurofarma no ano que vem. A empresa anunciou, nesta sexta-feira (14), sua nova estrutura para a Stock Car, que será da seguinte forma: os laureados Max Wilson e Ricardo Maurício continuam juntos, agora pelo nono ano seguido, como pilotos da RC. Serrinha, por sua vez, também vai correr com as cores da Eurofarma, mas representando a RCM, as duas equipes sendo chefiadas por Rosinei Campos, o ‘Meinha’. 
 
O GRANDE PRÊMIO apurou que a ideia de ‘Meinha’ é de oferecer aos três carros a mesma estrutura técnica, de modo que RC e RCM, na prática, vão trabalhar na mesma direção, com um grande trio de pilotos para lutar por vitórias e títulos na temporada 2017.
 
Ainda sobre a RCM, no momento a equipe conta com Thiago Camilo e Galid Osman e tem o patrocínio da petrolífera Ipiranga. Desta forma, espera-se que, nos próximos dias, a empresa anuncie seus novos rumos na principal categoria do automobilismo brasileiro. Ainda não está decidido se a RCM vai contar com um segundo carro, como acontece atualmente.
Max Wilson e Ricardo Maurício saúdam o mais novo nome da Eurofarma na Stock Car: Daniel Serra (Foto: Vanderley Soares)
Maria Del Pillar, diretora de Sustentabilidade e Novos Negócios da Eurofarma, destacou o potencial da equipe em ampliar seu investimento na Stock Car trazendo um piloto do calibre de Serrinha, que conquistou dez vitórias (sendo quatro em Curitiba), cinco poles e 28 pódios, todos em sua jornada como piloto da Red Bull, que se despede da categoria no fim desta temporada.
 
“A decisão de investirmos em um terceiro carro e contratarmos um novo piloto, foi tomada com o propósito de ganharmos visibilidade e promovermos um clima mais competitivo dentro da equipe. De forma saudável e com transparência”, destacou a executiva.
 
“Como acompanhamos há muito tempo a carreira do Daniel Serra, acreditamos que ele tenha o perfil adequado para fazer frente a este desafio e compor a equipe Eurofarma. É um piloto técnico, experiente, arrojado, que construiu uma sólida carreira no automobilismo e sempre manteve uma postura ética dentro e fora das pistas. Estamos confiantes nesta aposta”, complementou.
 
Serra comemorou a nova oportunidade de dar sequência à sua carreira na Stock Car em uma equipe tão vencedora como a Red Bull. “Estou muito feliz com essa parceria. A Eurofarma é uma empresa séria e que tem um histórico muito rico na Stock Car, e ainda mais feliz em trabalhar com esses dois campeões que são meus amigos e por quem eu tenho a mais profunda admiração”, disse o paulista.
 
O mais novo piloto da Eurofarma recebeu as boas-vindas da laureada dupla formada por Wilson e Ricardinho. “Ele é um dos melhores pilotos da Stock Car, sério e íntegro, e com certeza vai somar muito ao nosso trabalho”, pontuou o campeão de 2010. “Competente, centrado e muito talentoso, sem contar que é meu amigo pessoal, o que vai facilitar o entrosamento”, complementou Maurício.
 
Apesar da força do mais novo trio da Stock Car, os pilotos garantem que, na pista, vai ser cada um por si em 2017. “Quando a luz apagar, somos individuais lutando pelo mesmo objetivo, sempre com ética e respeito ao adversário. Mas, se tiver de disputar uma posição, vai acontecer”, comentou Serrinha, que travou grandes disputas com seu atual companheiro de equipe, Cacá Bueno.
 
O novo trio, em uníssono, destacou o novo momento da equipe chefiada por Rosinei Campos na Stock Car. “A partir de agora, daremos um novo sentido ao ditado popular, pois, se dois já era bom, três vezes Eurofarma será demais.”

O GRANDE PRÊMIO transmite neste sábado (15), a partir das 15h (de Brasília), a corrida 1 da sexta etapa do Campeonato Brasileiro de Turismo, com narração de Luc Monteiro e comentários de Fernando Silva e do atual líder da Stock Car, Felipe Fraga. São dois canais: ou via YouTube ou pelo Facebook do GP.