Fraga acerta volta voadora na hora certa em Brasília e marca primeira pole-position da carreira na Stock Car

Forçando tudo no Q2, Felipe Fraga conseguiu dar uma excelente volta para se tornar o piloto mais jovem a largar na pole-position na Stock Car. Júlio Campos divide com ele a primeira fila

Dessa vez foi sozinho. Vencedor da corrida de duplas da Stock Car, na abertura da temporada 2014, Felipe Fraga não demorou para fazer barulho sozinho na categoria, confirmando todo o potencial que fora demonstrado ao lado de Rodrigo Sperafico, há um mês, em Interlagos. Neste sábado (26), o jovem piloto de 18 anos cravou a primeira pole-postion da carreira na categoria máxima do automobilismo nacional, já na terceira corrida em que participa. Tornou-se também o mais jovem a conquistar uma pole, quebrando o recorde que pertencia a Thiago Camilo.

Quarto colocado no treino da manhã, Fraga cresceu na hora certa. O competidor da Vogel foi segundo no Q1, atrás somente de Galid Osman, e melhorou ainda mais quando a briga valia a pole-position. Forçando tudo o que podia forçar, fez o tempo de 57s161 na primeira tentativa e só não melhorou ainda mais na segunda porque passou do limite na última curva. Mas já estava de bom tamanho. O resultado foi creditado ao trabalho da equipe de Mauro Vogel e Gualter Salles.

Fraga, que nem CNH tem ainda, terá a companhia de Júlio Campos na primeira fila do grid. O paranaense foi 0s066 mais lento no anel externo do circuito candango.

Embalado pelo primeiro pódio da carreira, celebrado há duas semanas, em Santa Cruz do Sul, Galid Osman ensaiou brigar pela pole, mas vai largar em terceiro, ao lado de Daniel Serra. Átila Abreu e Marcos Gomes dividem a terceira fila. A quarta fila reúne os campeões Ricardo Maurício e Cacá Bueno, e Max Wilson e Rubens Barrichello fecham o top-10.

A largada para a quarta corrida da temporada 2014 da Stock Car será dada às 12h33 deste domingo. A quinta prova do ano acontece pouco depois, às 13h48.

 Renan do Couto: formato da Stock Car é interessante, mas confuso
 As imagens do sábado da Stock Car em Brasília
icone_TV  Automobilismo na TV: a programação do fim de semana

Fraga comemora pole junto ao lado de Gualter Salles em Brasília (Foto: Bruno Terena/Red Bull Content Pool)

Confira como foi a classificação da Stock Car em Brasília:

Como determina o regulamento, os pilotos mais bem classificados no campeonato entraram na pista no primeiro dos dois grupos que são formados para a tomada de tempos. Na sessão, de dez minutos, Felipe Fraga esperou três minutos para deixar a garagem e finalmente abrir os trabalhos desta tarde – quente – na capital do Brasil. A temperatura do asfalto superava os 50°C.

Logo ficou evidente que, dada a curta extensão do traçado brasiliense, os tempos eram melhores a partir da segunda volta cronometrada de cada piloto. Fraga começou com 57s4, baixou para 57s2 e depois para 57s0.

Galid Osman foi ainda melhor e assumiu a ponta com 57s042, chamando a atenção por ter tentado apenas uma volta lançada. Ou seja, se garantiu na fase final do treino gastando menos pneus que os rivais. A mesma tática foi adotada por Ricardo Maurício, quarto, e Átila Abreu, sexto.

Terminada a primeira parte da sessão, o top-10 era formado por Galid, Fraga, Cacá Bueno, Maurício, Daniel Serra, Átila Abreu, Marcos Gomes, Rafa Matos, Popó Bueno e Ricardo Zonta.

Surpreenderam, negativamente, Valdeno Brito e Sérgio Jimenez. Os dois líderes do campeonato, após dez minutos, nem tinham mais esperanças de disputar a pole-position no Q2. Eles ficaram em 11º e 14º – e sabendo que poderiam perder mais posições nos minutos seguintes. Caíram para 15º e 21º, respectivamente. E olha que Jimenez largou na pole no mesmo circuito há menos de seis meses.

No grupo 2, os pilotos tiveram mais pressa: tão logo a luz verde se acendeu, Alceu Feldmann já saiu da garagem, seguido por Bia Figueiredo. Luciano Burti, Thiago Camilo, Diego Nunes e Júlio Campos eram pilotos que haviam figurado entre os mais rápidos nos treinos livres e tentariam buscar o Q2.

O tempo que deveria ser superado era de 57s360, de Zonta.

A três minutos do final, ninguém havia adentrado o top-10. O mais rápido do G2 era Rubens Barrichello, 12º no geral e 0s034 mais lento que Zonta.

Foi quando a bandeira vermelha teve de ser agitada devido ao acidente sofrido por Allam Khodair na penúltima curva. Allam perdeu o controle na entrada da curva e chegou a bater na barreira de pneus, mas ele mesmo foi capaz de retomar o rumo e levar o carro de volta aos boxes. Complicou mais a vida dos outros, que acabaram perdendo voltas lançadas, do que a própria.

Como resultado, todo mundo teve que ir à pista às pressas no final para tentar um lugar no Q2. Nunes bateu na trave ao fazer um tempo 0s009 acima do de Zonta. Segundos depois, Wilson e Campos andaram rápidos e foram para quinto e sexto, respectivamente. E Barrichello, no último suspiro, garantiu o décimo tempo.

Daquele top-10 formado após o G1, portanto, três pilotos foram eliminados: Matos, Popó e Zonta.

Júlio Campos divide a primeira fila com Felipe Fraga (Foto: Vanderley Soares/MF2)

O Q2 teve início depois de novo intervalo de cerca de dez minutos. A melhor volta determinaria o pole-position. Simples assim.

Três minutos e meio depois da luz verde, Gomes foi o primeiro a deixar os boxes, mas sem fazer uma volta rápida logo de cara. Galid, rápido mais uma vez, foi para a ponta com 57s420. Mas nada disso seria definitivo.

Campos e depois Fraga bateriam o piloto do #28. E Fraga não perderia para mais ninguém. Primeira pole-position do tocantinense na Stock Car, um mês depois de ele apresentar seu cartão de visitas em grande estilo com vitória em Interlagos. Serra anotou o quarto tempo.

No minuto final, vários pilotos procuraram melhorar seus tempos de volta, mas nenhum conseguiu. A posição de honra do grid estava mesmo reservada para o carro #88 de Fraga.

Stock Car, Brasília, grid de largada:

 
1 88 FELIPE FRAGA TO VOGEL Chevrolet   57.161  
2 4 JÚLIO CAMPOS PR MICO'S Peugeot   57.227 +0.066
3 28 GALID OSMAN SP RCM Chevrolet   57.389 +0.228
4 29 DANIEL SERRA SP RED BULL Chevrolet   57.415 +0.254
5 80 MARCOS GOMES SP CARLOS ALVES Peugeot   57.496 +0.335
7 90 RICARDO MAURÍCIO SP RC Chevrolet   57.562 +0.401
8 0 CACÁ BUENO RJ RED BULL Chevrolet   57.655 +0.494
8 51 ÁTILA ABREU SP AMG Chevrolet   57.667 +0.506
9 65 MAX WILSON SP RC Chevrolet   57.675 +0.514
10 111 RUBENS BARRICHELLO SP FULL TIME Chevrolet   57.693 +0.532
11 2 RAPHAEL MATOS MG HOT CAR Chevrolet   57.296  
12 74 POPÓ BUENO RJ WA MATTHEIS Chevrolet   57.355  
13 10 RICARDO ZONTA PR RZ Chevrolet   57.360  
14 70 DIEGO NUNES SP C2 Chevrolet   57.369  
15 77 VALDENO BRITO PB WA MATTHEIS Chevrolet   57.379  
16 1 ANTONIO PIZZONIA AM MICO'S Peugeot   57.514  
17 21 THIAGO CAMILO SP RCM Chevrolet   57.541  
18 14 LUCIANO BURTI SP VOGEL Chevrolet   57.557  
19 46 VITOR GENZ RS BOETTGER Peugeot   57.559  
20 25 TUKA ROCHA SP RZ Chevrolet   57.592  
21 73 SÉRGIO JIMENEZ SP VOXX Peugeot   57.615  
22 11 NONÔ FIGUEIREDO SP AMG Chevrolet   57.642  
23 18 ALLAM KHODAIR SP FULL TIME Chevrolet   57.643  
24 110 FELIPE LAPENNA SP HOT CAR Chevrolet   57.702  
25 12 LUCAS FORESTI DF BASSANI Peugeot   57.831  
26 82 ALCEU FELDMANN PR HANIER Peugeot   57.837  
27 5 DENIS NAVARRO SP VOXX Peugeot   57.845  
28 83 GABRIEL CASAGRANDE PR C2 Chevrolet   57.923  
29 63 LICO KAESEMODEL SC BOETTGER Peugeot   57.970  
30 8 RAFAEL SUZUKI SP PRO GP Chevrolet   58.227  
31 100 BIA FIGUEIREDO SP PRO GP Chevrolet   58.271  
32 72 FÁBIO FOGAÇA SP CARLOS ALVES Peugeot   58.379  
33 7 BETO CAVALEIRO SP HANIER Peugeot   59.345  
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube