Fraga sorri com ‘ultrapassagem de drift’ em Campo Grande e assume: chegou hora de encostar em Serra

Que a segunda ultrapassagem de Felipe Fraga foi o grande momento da etapa de Campo Grande da Stock Car é inegável - mas é também preciso entender o quão importante a manobra 'de drift' foi para o campeonato. E o piloto da Cimed sabe disso

Antes da corrida em Campo Grande, no sábado (18). pela tarde, Felipe Fraga falou ao GRANDE PRÊMIO que achava ser muito difícil tirar o título da Stock Car 2018 de Daniel Serra, mas que alguma zebra poderia ocorrer. E a primeira, de fato, aconteceu no Mato Grosso do Sul.

Fraga venceu a corrida 1 e, apesar de ter sido forçado a abandonar a segunda, acabou pontuando mais do que Serra no final de semana, já que o piloto da Eurofarma foi desclassificado da corrida 2. Ou seja: a distância pode seguir grande, mas diminuiu.

Serra tem 191 pontos, contra 147 de Fraga. Mas, antes da prova, a diferença era de 48 pontos – agora é de 44. O piloto da Cimed, então assumiu: é a hora de se aproximar do adversário, com apenas cinco etapas para o final da temporada.

"A gente tirou alguns pontos do Daniel. Foi muito bom, fim de semana poisitivo, a cada corrida melhorando. É o melhor carro que guiei em 2018, mostra a evolução", analisou, durante entrevista ao final do domingo (19) de corridas ao GRANDE PRÊMIO

Ele citou a bela manobra com que passou pela segunda vez Serra no dia como exemplo do que busca no campeonato: "E foi emocionante. Na primeira ultrapassagem ele errou, mas na segunda foi tudo ou nada: falei 'ou eu passo, ou passo reto'. Era muito importante eu ganhar essa corrida. Não dava para ficar postergando, falando que 'tem que ir atrás', que 'vai dar certo'. Chegamos ao meio do campeonato, um pouco mais, então ou começávamos a recuperar, ou acabava."

Felipe Fraga (Foto: Bruno Terena/RF1)

Sobre a ultrapassagem, aliás, não escondeu o sorriso quando questionado se a manobra lembrava 'drift': "Cara, até eu quero ver a (câmera) onboard", brincou.

"Acho que a adrenalina foi tão alta, foi 'top'. Arrisquei tudo. Acho que valeram a pena os treininhos que dou em casa lá com rali, porque girei o volante até o batente, acabei girando para o lado direito, e a curva para a esquerda, mas acabou dando certo."

Por fim, deixou claro o que quer nas etapas finais: "Não é nem questão de torcer para ele (Serra) não ir bem, é a gente continuar na frente e, se ele der um deslize, e eu ganhar de novo, com certeza encosto nele de uma vez."

A próxima etapa da Stock Car ocorre no dia 9 de setembro, com rodada dupla em Cascavel.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar