GP às 10: Serra se põe como favorito ao título e Camilo tem chance de ouro para reagir no Velopark e Londrina

Daniel Serra é o único piloto a ter ido ao pódio mais de uma vez nas três primeiras corridas da Stock Car em 2018. Na base da competência, velocidade e regularidade, o atual campeão já desponta como grande favorito à taça nesta temporada. Em compensação, seu grande adversário no ano passado enfrentou duas jornadas difíceis, mas tem nas próximas etapas uma chance real para dar a volta por cima se conseguir repetir as vitórias conquistadas em 2017

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Ainda que o forte grid da Stock Car tenha um sem número de pilotos com potencial e condições reais de brigar pelo título, o começo da temporada 2018 mostrou que Daniel Serra é, definitivamente, o homem a ser batido na categoria. Depois de três corridas já disputadas, o atual campeão ocupa a liderança — feudo que ocupa desde a Corrida do Milhão de julho do ano passado — com 49 pontos, 14 de frente para o novo vice-líder, Lucas Di Grassi.

 
Em contrapartida, seu grande adversário em 2017, Thiago Camilo, tem um início de campeonato difícil. O três vezes vencedor da corrida milionária viu o convidado Nico Müller abandonar em Interlagos com um pneu furado, foi mais um a ter ficado encaixotado na esteira da largada com Rubens Barrichello na primeira prova em Curitiba, mas conseguiu reeditar o duelo com Serra no fim da corrida 2 para terminar em nono lugar e marcar seus primeiros pontos no ano.
 
No GP às 10 desta segunda-feira, Fernando Silva lembra que Camilo tem uma grande chance para entrar de vez na briga pelo título em 2018: as próximas duas etapas da temporada vão ser em circuitos onde Thiago venceu as principais provas no ano passado: Velopark e Londrina. Assim, contando com um bom acerto já consagrado há anos por Andreas Mattheis, o atual vice-campeão tem a chance de ouro para dar a volta por cima e partir em busca do tão sonhado título.
 
O jornalista também destacou alguns dos possíveis candidatos à vaga de maior rival de Serrinha na briga pela taça. Como Rubens Barrichello, Max Wilson, Cacá Bueno e Felipe Fraga. Lucas Di Grassi, ainda que ocupe a vice-liderança do campeonato, tem contra si uma ausência certa de duas corridas na temporada, Santa Cruz do Sul, que vai conflitar com o eP de Berlim da Fórmula E, marcado para 19 de maio.

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO e convidados especiais, sempre às 10h, do dia e da noite.

Veja aqui todas as edições do 'GP às 10'.
 

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube