Grávida, Figueiredo fica fora da Stock Car até outubro. Ipiranga busca substituto

Bia Figueiredo será desfalque no grid da Stock Car em 2020 - mas por uma boa razão. A pilota anunciou nesta segunda-feira (20) que está grávida de seu primeiro filho

As novidades na Stock Car para 2020 seguem e, nesta segunda-feira (20), um desfalque foi anunciado – mas por um bom motivo: Bia Figueiredo ficará fora do grid por parte da temporada, porque anunciou que está grávida pela primeira vez.

O anúncio foi feito em suas redes sociais, em que chegou a comentar que "em novembro teremos 'espaço kids' para minha volta: "É um momento muito especial para mim e para a minha família. Baby Figueiredo Souza chega em alguns meses e estamos muito felizes", escreveu.

O GRANDE PRÊMIO apurou que, de fato, ela deve retornar ao grid apenas em novembro. Segundo a Ipiranga, a equipe ainda não possui um substituto confirmado para, teoricamente, as nove primeiras etapas da temporada.

Bia Figueiredo (Foto: Rafael Gagliano/Hyset)

O calendário da Stock Car aponta três corridas a partir de novembro: uma no dia 8 de tal mês, sem palco definido; Goiânia, no dia 22; e a final, em Interlagos, no dia 13 de dezembro. 

Outra mudança que a gravidez e Bia traz é em quem pilotará um dos carros da Toyota, nova montadora da Stock Car, ao lado da Chevrolet. A A. Mattheis/Ipiranga é um dos times em que os pilotos estarão com o Corolla – incluindo o atual vice-campeão, Thiago Camilo.

Figueiredo já havia confirmado a ausência das 24 Horas de Daytona, mas não havia revelado a razão.

Em 2019, a pilota terminou a categoria brasileira em 25°, com 73 pontos conquistados. A Stock Car tem o retorno programado para o dia 29 de março, com a Corrida de Duplas, em Goiânia.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube