Stock Car

Líder da Stock Light, Reis parte para corrida decisiva na pole-position em Interlagos. Bortoleto é 10º

Raphael Reis deu um passo importantíssimo para conquistar o título da Stock Light. O piloto da Academia Shell Racing varreu a concorrência e marcou a pole-position no início desta tarde em Interlagos. Enzo Bortoleto, que precisa vencer e torcer por um sétimo lugar de Reis para ser campeão, fecha a quinta fila
Warm Up, de São Paulo / FERNANDO SILVA, de Interlagos
Assim como a Stock Car, a Stock Light vai definir seu campeão na última corrida da temporada 2018 neste domingo, em Interlagos. E da mesma forma que a classe principal, a categoria de acesso vai ter um carro da Shell na pole-position. Líder do campeonato, Raphael Reis assegurou a posição de honra do grid na tarde deste sábado (8), varrendo a concorrência. O brasiliense parte para a decisão precisando apenas de um sexto lugar para confirmar a conquista do título. Enzo Bortoleto, adversário mais próximo de Reis no campeonato, sai apenas em décimo. O piloto da KTF Sports precisa não apenas vencer, mas torcer para Raphael ficar de sétimo para trás.
 
Logo após o fim da classificação, Reis disse que não pretende correr apenas pensando no resultado, mas sim com o desejo de lutar pela vitória para fechar 2018 da melhor forma.
 
“Minha expectativa é fazer uma boa prova e ser campeão, não pode ser de outra forma. Fizemos um excelente campeonato e nossos resultados provam isso. Estou bem feliz com meu rendimento durante o ano. Foram quatro vitórias e conquistamos nossa primeira pole-position hoje. Sempre fomos bastante competitivos. Acho que amanhã é o dia. Temos de estar concentrados e muito focados para manter a vantagem que construímos”, disse o piloto às vésperas do que pode ser seu grande dia nas pistas até o momento.
Raphael Reis larga na frente para lutar pelo título da Stock Light (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Reis vai dividir a primeira fila do grid com Gabriel Robe, o último campeão do Brasileiro de Turismo, nome da categoria de acesso à Stock Car até o ano passado. Logo atrás, Guilherme Salas abre a segunda fila do grid na terceira posição. O piloto, que participa desta etapa derradeira da Stock Light em 2018, teve sólido desempenho nos treinos livres e ficou a 0s252 do tempo da pole-position. Salas vai largar lado a lado de outro talento que volta ao grid, Pietro Rimbano, que neste fim de semana acelera pela nova equipe SG Racing.
 
Gustavo Myasava sai em quinto lugar, seguido pelo também paranaense Gustavo Frigotto. Em sua terceira temporada na categoria, o piloto da RKL ainda tem chances matemáticas de título da Stock Light, mas precisa de uma combinação bastante improvável para ser campeão: não basta apenas vencer, mas é preciso que Reis e Bortoleto fiquem de 13º para trás na prova.
 
Logo atrás de Frigotto, na sétima posição, larga Pedro Cardoso. O brasiliense de 19 anos, que defende a Carlos Alves, ficou a apenas 0s026 do tempo de Frigotto e abre a quarta fila. A probabilidade do piloto, que fecha sua primeira temporada completa no turismo, é uma só: vencer e torcer para ver Reis e Bortoleto de 14º para trás.
 
Novamente, o grid da Stock Light é bastante forte nesta temporada, fechando 2018 com nada menos que 26 carros. Marcel Coletta, um dos grandes nomes da temporada, sai na oitava colocação, seguido pelo experiente Renan Guerra, companheiro de equipe de Rimbano na SG. 
 
Enzo Bortoleto vai fechar a quinta fila do grid com uma missão duríssima para conquistar o título de campeão da Stock Light, além da premiação de R$ 650 mil somados ao dono do título e também ao melhor novato da temporada.
 
A Stock Light vai fechar o cronograma do fim de semana e da temporada das competições da Vicar em 2018 neste domingo. A prova, que assim como na Stock Car vai valer pontuação dobrada — 60 tentos ao vencedor —, tem largada prevista para 12h45 (horário brasileiro de verão).

O GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ a etapa final da Stock Car, Stock Light e Brasileiro de Marcas em Interlagos com Felipe Noronha, Fernando Silva e Rodrigo Berton.