Stock Car
16/11/2017 09:03

Maurício deixa RC após nove temporadas, fecha com Full Time, mas segue com Eurofarma na Stock Car em 2018

Bicampeão da Stock Car, Ricardo Maurício vai deixar a equipe chefiada por Rosinei Campos, para quem corre desde 2009. O experiente paulista de 38 anos vai ser o novo companheiro de equipe de Rubens Barrichello na Full Time a partir do ano que vem. Mas nem por isso Ricardinho vai deixar de seguir com a Eurofarma, que continua sendo sua patrocinadora na próxima temporada da Stock Car
Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 Ricardo Maurício cruza a linha de chegada na frente em Santa Cruz do Sul (Foto: Fernanda Freixosa/Vicar)

Ainda que não esteja tão agitada como na temporada passada, a chamada ‘dança das cadeiras’ na Stock Car para 2018 movimentou uma das peças mais importantes do grid. Ricardo Maurício, bicampeão da principal categoria do automobilismo brasileiro e dono de nada menos que 16 vitórias, vai mudar de casa. Depois de correr por nove temporadas pela equipe chefiada por Rosinei Campos, o ‘Meinha’, Ricardinho vai vestir as cores a Full Time no ano que vem, sendo o novo companheiro de equipe de Rubens Barrichello, formando uma das mais fortes duplas do grid. Ainda assim, Maurício vai continuar sendo patrocinado pela farmacêutica Eurofarma.
 
Assim, a RC vai ter uma mudança também na sua estrutura para o ano que vem. Neste ano, com a chegada de Daniel Serra, líder do campeonato e grande nome da temporada 2017, a primeira equipe de Rosinei Campos tem, além de Serra, a presença de Maurício. No time 2 da RCM, Meinha conta com Max Wilson e Tuka Rocha, que não tem o patrocínio da Eurofarma. Para o ano que vem, com a saída de Ricardinho para a Full Time, Max vai para a RC para fazer dupla com Serra.
Ricardo Maurício deixa a equipe de Rosinei Campos após nove temporadas para correr pela Full Time em 2018 (Foto: Vanderley Soares/Ppress)
A Full Time, chefiada por Maurício Ferreira, nem de longe é campo desconhecido para Ricardinho, pelo contrário. Foi lá que, em 2012, o piloto conquistou o título do Brasileiro de Marcas. No ano que vem, o bicampeão chega para ocupar o lugar que é, até a atual temporada, de Allam Khodair.
 
“Conheço bem o trabalho dele [Ferreira] e de todos os mecânicos. Claro que haverá um período de adaptação, mas tenho certeza de que essa parceria também será vitoriosa. Estou com o Meinha desde 2009, numa trajetória incrível que soma 43 pódios e um título de campeão. Sou muito grato a todos, mas sou movido a desafios. Também estou entusiasmado com o novo formato”, declarou o piloto.
 
Ao falar sobre a ‘pesada’ dupla de pilotos com Barrichello e a parceria que se avizinha, Maurício não escondeu o apreço pelo campeão da Stock Car em 2014 e um dos maiores nomes da categoria. “Sempre tivemos um bom relacionamento. Sou um grande fã do trabalho dele e, certamente, seremos bons companheiros, embora defendendo patrocinadores diferentes”, comentou.
 

Maurício Ferreira, o ‘Mau Mau’, comemorou a chegada da Eurofarma à Full Time, equipe baseada em Vinhedo, como um novo momento para o time. “Todos os que estão na Stock Car sabem da postura da Eurofarma e da conduta impecável em tudo o que faz. Essa parceria me deixa profundamente feliz. Vamos entregar o máximo, como sempre fizemos. Faremos tudo 100%”, afirmou o renomado engenheiro.
 
Ricardo Maurício tem pela frente mais duas etapas da Stock Car correndo pela equipe chefiada por Meinha: a rodada dupla de Goiânia neste fim de semana, batizada como Goiânia 500 — em razão do aumento da potência dos motores para 500 cv — e a prova final, em Interlagos, marcada para o dia 10 de dezembro. Na atual temporada, Maurício é o oitavo colocado, tendo duas vitórias e 181 pontos somados.
MELHOR DE 2017

COM TÍTULO EM TEMPORADA DIFÍCIL, MÁRQUEZ É PILOTO DO ANO