Pole da Corrida do Milhão, Barrichello alerta para novidade em Interlagos: entender carro com push-to-pass de 45s

A duração do acionamento do botão de ultrapassagem vai ser ampliada para 45s de forma excepcional para a Corrida do Milhão. A prova é bastante peculiar e com um formato bem distinto das rodadas duplas da Stock, com apenas uma corrida de 45 minutos e mais uma volta. Rubens Barrichello se vê em boa condição para lutar pela vitória, mas ao mesmo tempo não sabe o que esperar das novidades em Interlagos

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

No atual formato de disputa da Stock Car, três corridas destoam: a etapa de abertura do campeonato, que é a Corrida de Duplas, a etapa final, que distribui pontuação dobrada, e a Corrida do Milhão. Além do prêmio milionário entregue ao vencedor, a disputa traz algumas peculiaridades quanto às regras. Para 2016, a principal delas diz respeito à duração do acionamento do botão de ultrapassagem, que passou a ser de 45s. Pole-position no ‘quintal de casa’ neste sábado (10) em Interlagos, Rubens Barrichello entende que a luta pelo Milhão de Reais vai ser imprevisível justamente em razão das novidades para a prova.
 
“A expectativa é a melhor possível. Ninguém quer perder o milhão. Vai ser uma prova longa, com estratégias diferentes porque não tem pit-stop, o push-to-pass é muito diferente, então estou tranquilo, mas é uma prova para ser estudada, já que tivemos pouquíssimas situações para testar esse push-to-pass diferente. Estou contente, mas vou estudar como realizar a corrida na melhor situação.”, destacou o piloto da Full Time.
Rubens Barrichello conquistou a pole-position da Corrida do Milhão (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Barrichello comemorou o trabalho da equipe ao entregar um carro com bom desempenho desde o começo do fim de semana. “A pista deu uma melhorada, e ao mesmo tempo estava mito mais quente do que ontem. Então é um equilíbrio de situações, de supor o que fazer com o setup, mas a gente viu que o carro estava bom desde o começo”, disse.
 
Experiente, Rubens entende que larga na melhor posição possível, mas nem por isso se considera como franco favorito ao Milhão. “Acho que depende de como vai estar a temperatura. Preciso entender qual vai ser a melhor situação, ver como vai ser a largada, manter a primeira posição, e tentar comandar a prova a partir dali.”
 
“Uma prova longa, que não vai ter o vencedor na primeira volta, mas depois de 45 minutos. Então vai depender muito da situação de pista e de quem entender bem como vai entender bem esses pushs. Vai ser uma situação nova para todos”, previu.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Questionado pelo GRANDE PRÊMIO sobre o comportamento do carro poder ser bem diferente na corrida em relação ao horário do treino classificatório e as temperaturas bem mais altas, Barrichello entende que o fator climático tem menos peso do que a duração ampliada do push-to-pass.

 
“A gente teve um treino hoje que foi às 8h30. Amanhã a corrida vai ser às 10h. Acho que a gente teve um pouco de tudo. Dá para a gente olhar bem a telemetria do carro, ver bem como vai ser o uso do carro. Mas é muito difícil saber como o carro vai se comportar com esse push de 45s, então vamos ter de avaliar durante a prova para ver como é que vai ser”, concluiu o pole da Corrida do Milhão.
PADDOCK GP #45 COMENTA FIM DE SEMANA COM F1, INDY, MOTOGP E WEC

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar