Politicagem no automobilismo e pessoas que “só olham para umbigo” incomodam e entristecem, afirma Cacá

Na entrevista que deu ao GRANDE PRÊMIO em Goiânia, Cacá Bueno falou que a Vicar e os pilotos só se manifestaram a seu favor e nos bastidores porque a imprensa criticou sua punição. O piloto agora sente que não vai levar uma mão de amigos por causa do egoísmo de quem está envolvido na categoria

A já aguardada punição a Cacá Bueno seria o momento ideal para que os pilotos se unissem contra o que vem acontecendo no automobilismo brasileiro, sobretudo na esfera da CBA. Mas o ciclo que se forma em torno da politicagem transforma os pilotos e demonstra o egoísmo de alguns. É o que disse o pentacampeão da Stock Car ao GRANDE PRÊMIO em Goiânia.

Indignado, frustrado e triste com a penalização e com a reação do comando da categoria e dos demais colegas, Cacá disse que a medida da entidade máxima do esporte a motor nacional serviu como uma espécie de cala-a-boca que faz dos pilotos "plastificados e engomadinhos". 

Cacá Bueno (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

Questionado se o ambiente o deixa modificado na pista, Cacá negou, mas voltou a bater na tecla de que não está feliz. Também afirmou que todo mundo só resolveu se manifestar assim que a imprensa fez críticas à punição da CBA. E que não vai acabar levando "uma mão de amigos" do mundo que frequenta os autódromos nacionais.

"Não influencia, mas entristece", declarou o piloto, que então citou as manifestações da imprensa sobre o assunto. "É muito chato que depois do contexto – eu li teu texto [no blog de Victor Martins], o Globo.com, UOL, Flavio Gomes, 'Diário Motorsport', Lito [Cavalcanti, jornalista do SporTV], Reginaldo [Leme, da Globo], até do João Paulo [de Oliveira], que tá correndo no Japão e não tem rabo preso, o Felipe Massa e vários pilotos –, eu recebi um e-mail da federação do Rio de Janeiro, Mauricio Slaviero me procurou para dizer que não concordava com a punição, outro veio me dizer que achava um absurdo, mas todos foram me procurar depois que a opinião pública bateu na decisão", queixou-se.

determinarTipoPlayer(“15575871”, “2”, “0”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube