Sem duração definida, Stock Car revela aumento da Corrida de Duplas para 2020

Chefe da Stock Car, Carlos Col anunciou no último sábado (14) que a Corrida de Duplas terá uma duração maior do que o modelo tradicional. A prova volta ao calendário da principal categoria do esporte a motor nacional em 2020

A Stock Car vai atender um desejo antigo de seus fãs em 2020. Depois de confirmar a volta da já tradicional Corrida de Duplas no próximo ano, a categoria anunciou que a prova será mais longa do que o habitual.
 
Falando à imprensa em Interlagos, Carlos Col, chefe da Stock Car, anunciou que a corrida terá uma duração maior, mas não bateu o martelo em relação à duração da disputa. O dirigente, no entanto, sugeriu 200 km de Goiânia.
 
De acordo com Col, a ideia de aumentar a duração das corridas nasce de uma integração maior entre Brasil e Argentina, já que as montadoras querem trazer os competidores do TC2000 para cá.
Carlos Col (Cauê Moalli/Grande Prêmio)
A ideia de 200 km de Goiânia, porém, ainda precisa vencer a barreira do regulamento, que hoje fala em corridas de até 1h30min.
 
“200 km é limitado no regulamento deles a 90 minutos de prova. Nós, quando fazemos duas corridas de 40 minutos, temos 80, então está bem próxima”, ponderou Col. “É que, quando a gente faz, fazia a Corrida de Duplas, a gente fazia ela mais curta. Então ela vai ser um pouco mais longa”, revelou.
 
Questionado se o aumento na prova atende um pedido dos próprios pilotos, Col explicou que a mudança é até em respeito aos convidados, que muitas vezes vêm de longe para participar da disputa.
 
“Um convidado que vem de longe para participar, para ter uma participação mais consistente, mais efetiva”, explicou. “As regras outras, eu tenho a tendência de construir regras, e vou discutir com as equipes e com os pilotos. Há regras mais flexíveis. Vencida essa premissa da integração Argentina-Brasil e as marcas, o resto eu vou ser um pouco mais liberal nas regras”, garantiu.
 
A Corrida de Duplas, que ficou fora do calendário de 2019, vai abrir a temporada 2020, em Goiânia.
 
Ao GRANDE PRÊMIO, Col também confirmou o interesse de Fernando Alonso em participar da prova. O asturiano vem se aventurando em diferentes categorias desde que deixou a Fórmula 1. 
 
Segundo Col, foi Fernando quem quis saber sobre a Corrida de Duplas e disse que Rubens Barrichello "sempre chama". Foi quando o diretor aproveitou para brincar com a possibilidade.
 
“Ele me perguntou. Ele falou assim: ‘ainda tem aquela Corrida de Duplas?’. Eu falei: 'Tem'. ‘É, o Rubinho sempre me convida’", contou ao GP.
 
"E eu falei assim: ‘Vou pôr no regulamento lá que o Alonso tem que correr’. ‘Então tá feito’. E não pediu nada de dinheiro”, afirmou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube