Superbike
03/07/2017 14:13

Honda escala norte-americano Gagne para formar dupla com Bradl na etapa de Laguna Seca do Mundial de Superbike

A Honda anunciou que o norte-americano Jake Gagne vai formar dupla com Stefan Bradl na etapa de Laguna Seca do Mundial de Superbike. É a primeira vez que o time terá dois pilotos desde a morte de Nicky Hayden
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Jake Gagne vai formar dupla com Stefan Bradl em Laguna Seca neste fim de semana (Foto: Honda)

A Honda anunciou nesta segunda-feira (3) que o norte-americano Jake Gagne vai formar dupla com Stefan Bradl neste fim de semana, na etapa de Laguna Seca do Mundial de Superbike. O piloto de 24 anos atualmente compete no MotoAmerica, o campeonato norte-americano.
 
Nascido em Ramona, na Califórnia, Gagne corre com a CBR1000RR SP2 Fireblade na categoria dos Estados Unidos. Antes, Jake correu na Europa e venceu a Red Bull Rookies Cup em 2010, aos 18 anos. No país hoje governado por Donald Trump, Jake venceu a Daytona SportBike em 2014 e o campeonato da Suporstock 1000 do MotoAmerica do ano seguinte.
Jake Gagne vai formar dupla com Stefan Bradl em Laguna Seca neste fim de semana (Foto: Honda)

“Para mim, este é um sonho que se torna realidade e uma enorme honra ter a oportunidade de correr no Mundial de Superbike com um time de tanto prestígio”, disse Gagne. “Esta é uma oportunidade enorme e vou fazer tudo que posso para fazer o melhor trabalho possível e aprender o máximo que puder”, seguiu.
 
“A perda de Nicky foi muito difícil para todos nós, mas eu sei que ele estará olhando por nosso e espero que possa deixá-lo orgulhoso”, falou. “Laguna Seca será sempre uma pista especial para ele e estou honrado em poder sair diante da nossa torcida de casa e mostrar o que podemos fazer”, completou.
 
Chefe da Honda, Ronald Ten Kate evitou em falar de substituição de Nicky Hayden, mas lembrou que o #69 sempre esteve disponível para ajudar jovens pilotos e, por isso, é a maneira perfeita de prestar um tributo ao #69.
 
“Jake é um piloto jovem e talentoso que já conhece a Fireblade bem correndo na Superbike da MotoAmerica e correu — e venceu — muitas vezes em Laguna Seca. Nós estamos ansiosos para recebê-lo em nosso time e dar a ele o melhor apoio possível em sua estreia no Mundial de Superbike”, falou Ten Kate. “Estou confiante de que ele vai curtir a experiência e fará seu melhor diante de sua torcida de casa”, seguiu.
 
“Nicky era conhecido por seu grande apoio a jovens pilotos — especialmente seus colegas norte-americanos — e estava sempre disponível para conversar e oferecer conselhos, então sinto que esta é a maneira perfeita de honrá-lo”, terminou.
 
POLÊMICA MOSTRA QUE VETTEL PISOU NA BOLA E HAMILTON FOI MALANDRO EM BAKU