Razgatlioglu encerra domínio de Rea e conquista na Indonésia 1º título no WSBK

Turco não deixou passar a oportunidade e, mesmo com derrota para o norte-irlandês em Mandalika, fechou a conta do campeonato na corrida 1 para dar à Yamaha o título de 2021

PARCEIROS E RIVAIS: COMO GARDNER E RAÚL FERNÁNDEZ ENTRAM NA MOTOGP | GP às 10

O Mundial de Superbike tem um novo rei. Toprak Razgatlioglu colocou um ponto final no domínio de Jonathan Rea na série das motos de produção e conquistou neste domingo (21) o primeiro título na categoria, que foi vencida seis vezes seguidas pelo piloto da Kawasaki.

Razgatlioglu chegou à Mandalika com vantagem na classificação, mas viu a situação no campeonato ficar ainda mais confortável com o cancelamento da corrida Superpole por conta de um temporal que atingiu o traçado indonésio. Sem a corrida sprint, Rea teria de recuperar 30 pontos de 50 possíveis.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Toprak Razgatlioglu derrotou Jonathan Rea por só 13 pontos (Foto: Divulgação/WSBK)

Neste cenário, Toprak podia conquistar a taça já na primeira corrida da rodada dupla e foi o que fez. Na manhã deste domingo, Rea conseguiu vencer por 0s670 de margem, mas o segundo lugar foi o suficiente para que o piloto da moto #54 se tornasse o primeiro turco campeão do Mundial de Superbike.

No complemento da rodada, Jonathan repetiu a vitória para assegurar o vice-campeonato, já que chegou à etapa final de 2021 também ameaçado por Scott Redding. Terceiro na corrida 1, o britânico recebeu a bandeirada em segundo na prova seguinte, diante de Michael van der Mark. Vestido de dourado, Toprak ficou apenas em quarto na corrida 2, 10s641 atrás de Johnny.

Com o resultado destas 13 etapas de 2021, Razgatlioglu conquistou o título com 564 pontos, só 13 a mais do que Rea. Redding ficou em terceiro no campeonato, diante de Andrea Locatelli, Michael Ruben Rinaldi, Van der Mark, Garrett Gerloff, Alex Lowes, Axel Bassani e Álvaro Bautista.

Aos 25 anos, um mês e cinco dias, Toprak se tornou o terceiro piloto mais jovem a conquistar o título, atrás somente de James Toseland (23 anos, 11 meses e 28 dias) e Troy Corser (24 anos e 11 meses).

Na disputa das fábricas, a Yamaha chegou a 607 pontos para faturar o Mundial de Construtores de 2021, também com 13 pontos de frente, mas para a Ducati, que foi vice-campeã. A Kawasaki assegurou o terceiro posto, seguida por BMW e Honda.

O Mundial de Equipes garantiu a tríplice coroa à casa de Iwata, que venceu com 855 pontos, 72 a mais do que a Ducati. A Kawasaki ficou com o terceiro posto, diante de BMW, HRC, GRT Yamaha, Motocorsa, GoEleven, Puccetti e Barni.

O novo campeão chegou a ser sondado para uma mudança para a MotoGP em 2022, mas optou por seguir no Mundial de Superbike e renovou com a Yamaha até 2023.

GRANDE PRÊMIO lança especial que celebra carreira de Valentino Rossi. ACESSE

VEJA MAIS
Rossi recebe visita surpresa do ídolo Ronaldo Fenômeno na despedida da MotoGP
Pupilos prestam homenagem e usam réplicas de capacetes de Rossi em Valência
F1 convoca pilotos e faz homenagem a Rossi em dia de aposentadoria da MotoGP
Rossi dá adeus em Valência e encerra trajetória que mudou história da MotoGP
Lenda e maior de todos: mundo do esporte agradece Rossi em dia de aposentadoria
Câmeras onboard da YZR-M1 registram última volta de Rossi na MotoGP em Valência

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar