Oriola conquista título do TCR Sul-Americano com vitória e pódio em Entre Ríos

Pepe Oriola viveu outra jornada vitoriosa, triunfou na primeira prova e foi 2º neste domingo em Concepción del Uruguay e foi o campeão da temporada inaugural do TCR Sul-Americano

A Stock Car divulgou um vídeo com os detalhes do projeto (Vídeo: Divulgação)

O primeiro campeão do TCR Sul-Americano é europeu. Pepe Oriola, catalão de 27 anos, consolidou a performance dominante ao longo da temporada 2021 com uma jornada bem-sucedida neste fim de semana em Concepción del Uruguay, em Entre Ríos, na Argentina, e confirmou a conquista do título da nova categoria continental do esporte a motor. Oriola, piloto que guiou o carro da Honda pela equipe W2, venceu a prova de sábado e só tinha de completar 12 voltas da corrida deste domingo (19) para se sagrar campeão. Mas o experiente piloto de turismo foi além, lutou pela vitória até o fim e terminou a última disputa do ano em segundo, só 0s595 atrás do vencedor, o argentino Fabricio Pezzini, com o Lynk & Co da equipe PMO.

No sábado, Oriola, a bordo do Honda #74, largou em segundo, tomou a liderança logo no início e daí em diante não foi mais superado. Raphael Reis, brasiliense e companheiro de equipe de Pepe na W2, terminou em segundo, enquanto Rodrigo Baptista cruzou a linha de chegada em terceiro com o Audi da equipe Cobra Racing.

PEPE ORIOLA; HONDA; W2;
Pepe Oriola teve campanha dominante em 2021 (Foto: Hernán Capa/TCR Sul-Americano)

Os resultados de sábado colocaram Pepe Oriola com uma mão e meia na taça. Bastava ao espanhol completar 75% das voltas da corrida deste domingo para levar o título. Reis, a partir daquele momento, não tinha mais chances de título, enquanto Rodrigo Baptista teria de tirar uma vantagem enorme, de 22 pontos.

Já a segunda corrida, no domingo, contou com a inversão de grid em relação à primeira corrida. Com apenas nove carros na disputa, outro ponto chamou a atenção: a enorme queima de largada de Ernesto ‘Tito’ Bessone, de Peugeot, que pulou muito à frente dos adversários no início da prova. O argentino foi punido e caiu para o fim da fila.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

DUDA PAMPLONA. PEPE ORIOLA; TCR SUL-AMERICANO;
Chefe da W2, Duda Pamplona abraça Pepe Oriola (Foto: Hernán Capa/TCR Sul-Americano)

Daí em diante, a prova foi marcada por grandes disputas que envolveram Dorian Mansilla, Juan Pablo Bessone e Rodrigo Baptista. Fabricio Pezzini abriu vantagem na frente e Oriola, com desempenho muito forte, logo assumiu as primeiras posições e partiu na última volta em segundo. O catalão chegou a ameaçar a liderança do argentino, ficou muito perto, mas não conseguiu efetuar uma tentativa de ultrapassagem.

Depois de 16 voltas, Pezzini terminou em primeiro, com Oriola em segundo e Mansilla em terceiro. Rodrigo Baptista foi o quinto, atrás de Juan Pablo Bessone, e Fabio Casagrande finalizou em sexto. Raphael Reis e Adalberto Baptista terminaram uma volta atrás do vencedor.

RODRIGO BAPTISTA; COBRA RACING;
Rodrigo Baptista conquistou o vice-campeonato (Foto: Hernán Capa/TCR Sul-Americano)

Depois de oito etapas, sendo duas de longa duração, Pepe Oriola confirmou o título com 278 pontos, enquanto Rodrigo Baptista foi declarado o vice-campeão, com 247 tentos. Raphael Reis finalizou a primeira temporada do TCR Sul-Americano em terceiro lugar.

Para 2022, a organização do TCR Sul-Americano já confirmou os três circuitos brasileiros que vão receber a categoria: Interlagos, Goiânia e Velocitta, em etapas que terão o fim de semana compartilhado com a Copa Truck.

SAINZ VAI DE SUBESTIMADO A MELHOR DA FERRARI CONTRA LECLERC NA F1 2021 | GP às 10
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar