Truck

Dirani sobra e lidera primeira sessão de treinos livres em Curitiba. Andrade é segundo

A primeira sessão de treinos livres em Curitiba teve o domínio de Danilo Dirani. O piloto andou pouco e mesmo assim se colocou quase 1s à frente de Roberval Andrade, o segundo melhor. Leandro Totti fechou em terceiro
Warm Up / VINÍCIUS PIVA, de São Paulo
 Danilo Dirani: o mais veloz do TL1 (Foto: Vanderley Soares)
E Danilo Dirani sobrou no primeiro treino livre da Copa Truck em Curitiba, palco da última etapa da categoria em 2018. O #28 anotou apenas seis voltas no treino, ainda na fase inicial da sessão, e com o tempo de 1min41s033 terminou na liderança com seu Mercedes-Benz.
 
Roberval Andrade, que está na briga pela título nacional, terminou em segundo, mas quase 1s atrás, acompanhado bem de perto pelo companheiro de equipe Leandro Totti, que ficou em terceiro. Só os três andaram na casa de 1min41.
 
Em quarto lugar apareceu Beto Monteiro com seu Iveco #88, já a 1s2 de Dirani. Felipe Giaffone terminou em quinto lugar, pertinho de Monteiro.
 
Wellinton Cirino andou pouco e colocou seu Mercede em sexto, seguido de Renato Martins. Djalma Fogaça, Giuliano Losacco e André Marques completaram o grupo dos dez melhores.

Saiba como foi o TL1 da Copa Truck em Curitiba

Às 13h15 desta sexta-feira (30) veio o sinal verde para o início do TL1 em Curitiba (PR), que marca o encerramento da temporada 2018 da Copa Truck. E quem começou o dia na frente foi Danilo Dirani. Com seu Mercedes-Benz, o #28 virou 1min41s033 em sua quarta volta e se colocou na dianteira. 
 
Felipe Giaffone pulou para segundo, mas logo Leandro Totti roubou a posição. O #73, porém, ainda estava mais de 1s atrás do ponteiro. Wellington Cirino aparecia em quarto com Beto Monteiro em quinto.
 
O estreante do fim de semana, Maikon Lauck, que corre com um terceiro caminhão Mercedes-Benz da equipe PPD, aparecia em 14º lugar. O piloto, antes, se dedicava à motovelocidade.
 
Entre os que lutam pelo título nacional, além de Giaffone e Cirino, Roberval Andrade aparecia em sexto, Renato Martins em sétimo, André Marques em oitavo e Giuliano Losacco em nono.

O tempo corria e Totti, o piloto que mais tinha andando até então (15 voltas) melhorou seu tempo e passou a andar na casa de 1min41. Só que ainda insuficiente para chegar perto do líder Dirani. Outro Scania, de Andrade, vinha em terceiro, a 0s923 do melhor tempo. Mais atrás, a única mudança era a presença de Djalma Fogaça entre os top-10. O MAN vinha em oitavo lugar.
 
Pouco depois os Scania inverteram de posição. Andrade se colocou 0s006 à frente de Totti e foi para segundo, mas ainda 0s902 distante de Dirani. Monteiro foi mais um a progredir e era quarto.
 
Restando quinze minutos para o fim do treino os dez melhores eram Dirani, Andrade, Totti, Monteiro, Giaffone, Cirino, Martins, Fogaça, Losacco e Marques.
 
O tempo passou sem que os melhores conseguissem evoluir na tabela de tempos. E Dirani acabou mesmo à frente do pelotão mostrando muita força nesta primeira sessão de treinos no Paraná.
 
Copa Truck, Curitiba, TL1

1. Danilo Dirani (Mercedes-Benz), 1min41s033
2. Roberval Andrade (Scania), 1min41s935
3. Leandro Totti (Scania), 1min41s941
4. Beto Monteiro (Iveco), 1min42s238
5. Felipe Giaffone (Volkswagen), 1min42s247
6. Wellington Cirino (Mercedes-Benz), 1min42s722
7. Djalma Fogaça (MAN), 1min44s206
8. Giuliano Losacco (Iveco), 1min44s400
9. André Marques (Mercedes-Benz), 1min44s931
10. Pedro Paulo (Mercedes-Benz), 1min45s408
11. Adalberto Jardim (Ford), 1min45s558
12. Rodrigo Belinati (Volkswagen), 1min46s376
13. Luiz Lopes (Iveco), 1min46s603
14. Debora Rodrigues (Volkswagen), 1min46s949
15. Witold Ramasauskas (MAN), 1min47s068
16. Duda Bana (Volvo), 1min48s419
17. Maikon Lauck (Mercedes-Benz), 1min49s968
18. Renato Martins (Volkswagen), sem tempo
19. Regis Boessio (Volvo), sem tempo
20. Fabio Fogaça (Ford), sem tempo