Confirmado nas 6 Horas de São Paulo pela Audi, Di Grassi se diz animado com estreia no WEC

Pela primeira vez na história, um piloto brasileiro correrá em uma equipe oficial da Audi. Este será Lucas Di Grassi, anunciado pela montadora para a disputa da etapa paulistana do WEC, no próximo mês. Di Grassi já testou o protótipo R18 ultra que pilotará em São Paulo

A informação antecipada pelo diretor-geral da Agência Warm Up e do Grande Prêmio, Flavio Gomes, na noite desta terça-feira (21), foi confirmada pela Audi nas primeiras horas da quarta-feira (22). Lucas Di Grassi representará a montadora alemã na etapa de São Paulo do WEC, o Campeonato Mundial de Endurance, marcada para 15 de setembro. O acordo é válido apenas para a quinta prova da temporada de 2012.

O piloto de testes da Pirelli na F1 dividirá o protótipo R18 ultra com Tom Kristensen e Allan McNish em Interlagos, no próximo mês. Di Grassi ocupará o lugar que, até as 24 Horas de Le Mans, era de Rinaldo Capello, italiano que fez história nas provas de longa duração com a Audi e se aposentou depois da tradicionalíssima prova francesa.

Pela primeira vez um brasileiro competirá em uma equipe oficial da Audi (Foto: Divulgação/Audi)

Participando de algumas provas esporádicas desde que deixou a F1 após a temporada de 2010, quando correu pela equipe Virgin, Di Grassi falou que “a corrida do WEC é uma grande oportunidade para, juntamente com a Audi, atrair a atenção do público no meu país”. Esta será a primeira vez que a Audi trará seus protótipos para uma prova em solo brasileiro e, com o acerto com Di Grassi, também a primeira vez em que um piloto daqui competirá por uma equipe oficial da montadora.

“Corridas de endurance são uma categoria fascinante do automobilismo da qual, até agora, eu participei apenas de testes. Estou muito animado com minha estreia pela Audi no WEC, ainda mais do lado de dois grandes nomes como Allan McNish e Tom Kristensen”, declarou o piloto de 28 anos de idade.

No início deste mês, Di Grassi teve seu primeiro contato com o protótipo que guiará nas 6 Horas de São Paulo, em um treino particular da Audi em Lausitz, na Alemanha. Antes disso, o vice-campeão da temporada de 2007 da GP2 já tivera contato com um Audi R10 TDI em 2010, quando testou pela equipe particular Kolles.

Diretor-esportivo da Audi e responsável pelas operações da montadora no WEC e no DTM, Wolfgang Ullrich afirmou que Di Grassi “deixou uma boa impressão [no treino que fez em Lausitz] e isso nos motivou a contratá-lo. Daremos ao Lucas di Grassi a oportunidade de competir em casa, como embaixador de corridas de longa duração, e lutar pela vitória no R18 ultra da Audi”.

Di Grassi formará dupla com dois pilotos experientes no endurance: Kristensen e McNish (Foto: Divulgação/Audi)

Conquistar a simpatia dos brasileiros é outro objetivo, óbvio, da iniciativa. “Estamos muito felizes em poder oferecer uma atração local ao público brasileiro, à imprensa, ao nosso importador Audi Brasil e, claro, ao WEC”, enfatizou o dirigente.

Antes da etapa de São Paulo, a Audi terá outro desafio. Em Silverstone, neste domingo (26), acontece a quarta etapa do Mundial de Endurance. A montadora participará com dois carros, o R18 ultra de McNish e Kristensen e o e-tron quattro – que venceu em Le Mans – de Andre Lotterer, Marcel Fässler e Benoit Tréluyer.

Vencedores das 12 Horas de Sebring, primeira etapa do campeonato, McNish, Kristensen e ‘Dindo’ Capello lideram a classificação com 77 pontos. O ex-trio ainda chegou na terceira posição nas 6 Horas de Spa-Francorchamps e em segundo lugar em Le Mans.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube