Turismo

Hellmeister já respira e se alimenta normalmente após acidente, mas passa por cirurgia cardiovascular

Allan Hellmeister segue na UTI no Hospital San Geraldo, em Monza, mas está evoluindo. O piloto fala, se alimenta e respira sem ajuda dez dias após o acidente no GT Open. Agora, vai passar por um procedimento cirúrgico cardiovascular preventivo. A expectativa é que uma nova cirurgia ortopédica aconteça na semana que vem
Warm Up / Redação GP, do Rio de Janeiro
 O Mercedes de Alan Hellmeister (Foto: GT Open)
Uma semana e meia após o grave acidente que sofreu em etapa da GT Open, o piloto brasileiro Allan Hellmeister segue internado na Unidade de Tratamento Intensivo do hospital San Geraldo, em Monza. O piloto vai passar por ao menos mais dois procedimentos cirúrgicos: um cardiovascular e outro ortopédico.
 
Hellmeister bateu contra o muro da reta dos boxes da pista italiana após ser tocado e acabou sofrendo fratura em ambas as pernas e pés.
 
O piloto sofreu um quadro de embolia gordurosa após o acidente, mas o quadro sofreu uma importante melhora. No momento, Hellmeister fala, respira e se alimenta sem nenhum tipo de ajuda. 
 
Um procedimento cardiovascular está marcado para a próxima sexta-feira. Este é preventivo e não relação com a nova cirurgia ortopédica necessária e que está prevista para ser realizada na próxima semana.
Alan Hellmeister bateu com força em Monza (Foto: Reprodução/TV)
Confira a íntegra do comunicado do piloto
 
Alan Hellmeister segue internado na UTI do Hospital San Gerardo, em Monza, na Itália, onde se recupera de um acidente sofrido no dia 23 de setembro, durante a disputa da penúltima etapa da GT Open 2018.
 
O quadro de embolia gordurosa; apresentado dias após o acidente, já sofreu redução significativa e o piloto já fala, respira e se alimenta normalmente. 
 
Nesta sexta-feira, Hellmeister será submetido a um procedimento cardiovascular preventivo para evitar riscos de uma nova embolia, comum em casos de fraturas múltiplas e de grandes ossos.
 
A expectativa é de que ele passe por uma nova cirurgia ortopédica no início da próxima semana.