Turismo
08/09/2017 16:55

Líder do WTCC, Monteiro sofre forte acidente em teste no circuito de Barcelona e fica internado durante fim de semana

Aos 41 anos, o luso Tiago Vagaroso Monteiro sofreu um forte acidente quando participava de um teste pela Honda na última quarta-feira (6) no circuito de Barcelona. O piloto, que lidera o Mundial de Carros de Turismo, se preparava para a etapa da China quando bateu na curva 1. O ex-F1 seguirá internado neste fim de semana e espera estar pronto para correr em Ningbo no próximo dia 15
Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 Tiago Monteiro (Foto: WTCC)

Experiente piloto com passagem pela F1 e hoje líder do Mundial de Carros de Turismo, o WTCC, Tiago Monteiro levou um susto nesta semana, mais precisamente na última quarta-feira (8), quando participava de uma sessão privada de testes no circuito de Barcelona, na Espanha. O português, hoje com 41 anos, bateu forte na veloz curva 1 do traçado catalão e logo foi atendido pelo corpo médico do autódromo.
 
Primeiramente removido ao centro médico do circuito, Tiago foi logo encaminhado para um hospital local e desde então permanece internado. De acordo com informações do site luso ‘Autosport’, Monteiro jamais perdeu a consciência após a batida e não sofreu nenhuma grande lesão aparente. Contudo, por precaução, o piloto vai seguir internado durante todo o fim de semana.
 
Os procedimentos médicos neste caso foram cumpridos à risca. Monteiro foi submetido a uma ressonância magnética, na qual não foi detectada nenhuma lesão. Caso seu quadro clínico evolua de maneira satisfatória, o piloto da Honda deve ser transferido para Portugal logo na segunda-feira, após uma nova avaliação médica.
Tiago Monteiro espera se recuperar para encarar a etapa da China no próximo fim de semana (Foto: WTCC)
Na atual temporada, Monteiro soma duas vitórias e tem um total de 200 pontos, cenário que lhe dá a liderança da temporada 2017 do WTCC com seu Honda Civic, 12 pontos à frente do sueco Thed Björk, que corre com um Volvo da equipe Polestar.
 
A esperança de Monteiro é se recuperar em tempo para embarcar para a China, palco da sétima rodada dupla da temporada, neste fim de semana, em Ningbo, distante 215 ao norte de Xangai. Restam, além da etapa chinesa, as jornadas no Japão, Macau e Catar, que fecha o campeonato em 1º de dezembro.
 

Monteiro tem experiência de dois anos na F1. Em 2005, correndo pela Jordan, alcançou seu melhor resultado, quando foi terceiro lugar no famoso GP dos EUA de apenas seis carros, por conta da insatisfação dos pilotos com pneus Michelin. Monteiro só ficou atrás das Ferrari de Michael Schumacher e Rubens Barrichello.
 
Uma curiosidade a respeito de Monteiro diz respeito ao seu segundo sobrenome, Vagaroso, o que provocou muitas piadas, encaradas com bom humor pelo luso, que agora está mais perto do que nunca de conquistar seu primeiro título mundial no automobilismo.
HAMILTON FAZ DEVER DE CASA E JOGA BOLA PARA VETTEL. QUE TEM OBRIGAÇÃO DE VENCER EM SINGAPURA