Sidorkova vence duas na etapa virtual da W Series em Brands Hatch. Visser segue líder

Irina Sidorkova conseguiu sua primeira vitória no campeonato e já emendou a segunda. Etapa foi bastante movimentada, com boas corridas e até erro de Beitske Visser na corrida 3

Brands Hatch foi o palco da terceira etapa da temporada virtual da W Series. Nesta quinta-feira (25), Beitske Visser chegou a cometer um erro na terceira corrida, mas uma vitória e um pódio garantiram um aumento na liderança da classificação.

Na primeira corrida do dia, quem saiu da pole-position foi Caitlin Wood. Entretanto, após enrosco pouco depois da largada, a holandesa aproveitou para se colocar no primeiro posto e se manter até a bandeira quadriculada. Alice Powell e Marta García fecharam o top-3.

Chegou a hora da prova em grid invertido. Kimi Koyama ocupou a posição de honra do grid, mas logo perdeu posições quando a disputa foi autorizada. Quem saltou para a ponta foi Irina Sidorkova, que alcançou a primeira vitória no campeonato. Enquanto isso, Visser escalou o pelotão depois de sair em última e ficou em segunda. Sabre Cook foi a terceira, conseguindo o primeiro pódio de 2020.

A corrida 3 foi a mais movimentada. Sidorkova, García e Visser brigaram pelas três primeiras posições durante todos os 20 minutos. Entretanto, na reta final, a holandesa cometeu erro e perdeu um degrau no pódio, sendo a quarta. A russa venceu, com a espanhola em segunda e Wood no top-3.

W Series 2020, Brands Hatch
A W Series em Brands Hatch (Foto: W Series)

Saiba como foi a corrida 1 em Brands Hatch

Dada a largada em Brands Hatch, Caitlin Wood mais uma vez conseguiu a pole-position, mas logo nos primeiros metros viu Vicky Piria passar. Entretanto, a italiana não conseguiu sustentar a colocação e logo Beitske Visser saltou para a ponta.

Poucos metros mais tarde, a australiana teve um golpe de má sorte e acabou rodando sozinha, escapando da pista e caindo para a 12ª colocação. Visser, Alice Powell e Marta García fecharam o top-3 do início.

Uma briga que começou a pegar fogo foi pela oitava colocação. Belen García, a nona colocada, vinha perseguindo Fabienne Wohlwend, estavando apenas 0s399 de vantagem à frente da espanhola. Entretanto, conseguiu manter o posto.

Menos de dez minutos para o encerramento da corrida e Visser sustentava uma liderança de 2s866 para Powell, a segunda colocada. Marta, Nerea Martí e Sarah Moore completavam as cinco primeiras posições.

Com a aproximação do final, Sarah começava a caçar García. A inglesa cortou a desvantagem para 0s400 e tentava tomar a quarta colocação da inglesa, que constantemente fechava a porta.

Bandeira quadriculada e Beitske venceu sua quinta corrida em cinco disputas. Powell e Marta completaram o pódio. Bruna Tomaselli, brasileira, terminou a corrida na 13º posição.

Visser dominou a corrida 1 em Brands Hatch (Foto: W Series)

Saiba como foi a corrida 2 em Brands Hatch

Largada autorizada para a segunda corrida, realizada em grid invertido. Miki Koyama foi quem saiu da primeira colocação, com Irina Sidorkova, Ayla Agren e Piria completando as duas primeiras filas do grid.

Ainda na primeira volta, Agren e Piria acabaram dividindo uma curva, se tocando e caindo para a parte de trás do pelotão. A #17 estaca em 17ª, enquanto a italiana aparecia em 18º.  Enquanto isso, na ponta, Sidorkova era a primeira colocada, com Koyama e Sabre Cook fechando otop-3.

Já Visser, que largou da última colocação, já estava no sexto posto com quatro minutos de corrida completados. Mas a briga estava nas primeiras colocações, com Tomaselli chegando a liderar, mas começou a perder terreno, indo para 14ª.

Beitske estava no encalço de Tasmin Pepper. Quando a holandesa fez o movimento para superar a sul-africana, a dupla conseguiu passar Hawkins, que estava na quarta colocação, caindo para sexta. Não demorou para #95 passar a #31.

Restando três minutos no relógio, Visser já havia alcançado o degrau mais baixo do pódio, sendo a terceira. A pilota estava 1s116 de Cook, a segunda colocada. Sidorkova tinha mais de 9s na ponta.

No meio do pelotão, as coisas estavam igualmente emocionantes. Sexta colocada, Abbie Eaton vinha em sexta precisando segurar Wood, Martí e Emma Kimilainen, todas bastante próximas.

Irina conquistou a vitória da segunda corrida, com Visser conseguindo terminar na segunda colocação após largar de última. Cook, Pepper e Hawkins completaram o top-5 da segunda prova do dia.

Irina Sidorkova conseguiu a primeira vitória do campeonato (Foto: W Series)

Saiba como foi a corrida 3 em Brands Hatch

Começada a última corrida do dia, Marta García quem começou na pole. Beitske largou em segunda, com Wood e Sidorkova completando as duas primeiras fileiras do grid.

Logo nos primeiros metros a russa conseguiu passar a australiana para assumir o terceiro posto, enquanto a espanhola ponteira precisava lidar com a pressão da holandesa. A primeira tentativa de avanço foi no final da reta, onde colocou ao lado da adversária, mas não conseguiu passar.

As três primeiras estavam grudadas e separadas por apenas 0s483 com 16 minutos para o encerramento da prova. Visser tentava a aproximação de Marta, mas não conseguia se adiantar em cima da #19.

Pouco mais de cinco minutos de relógio rodado e a ordem era García, Visser, Sidorkova, Wood, Pepper, Agren, Schiff, Moore, Wohlwend e Hawkins completavam o rol das dez primeiras.

Uma briga pelo primeiro posto começou a pegar fogo. García acabou alcançada pela dupla de trás, enquanto Sidorkova e Beitske começaram um embate. A russa conseguiu assumir a dianteira, mas logo recebeu o troco. A #51 e a #95 andaram lado a lado até Irina conseguir se manter em segunda.

Visser não estava satisfeita em cair para terceira e no final da primeira curva conseguiu retomar o segundo posto. Melhor para Marta, que abriu 1s833 do restante do pelotão.

Cinco minutos para o encerramento, Sidorkova conseguiu mais uma vez a segunda colocação e, não satisfeita, aproveitou também para deixar a ponteira para trás. Aproveitando o momento, Visser também passou a espanhola e era a segunda.

A holandesa deu o bote em cima da #51 e colocou lado a lado, mas Irina conseguiu se defender muito bem. Marta chegou a se aproximar da dupla, mas logo abriu distância novamente.

Então, em uma reviravolta, Beitske acabou perdendo o controle do carro, escapando da pista, rodando e acertando o guard-rail. Isso rendeu uma queda de posição para a líder do campeonato, que viu Marta e Wood ultrapassar e agora era quarta.

Bandeira quadriculada e Sidorkova garantiu a segunda vitória consecutiva. García cruza a linha de chegada em segunda, com Wood completando o pódio. Visser e Pepper fecham o top-5 da etapa.

Sidorkova venceu duas em Brands Hatch (Foto: W Series)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube