Rali
26/01/2018 17:25

Ogier comete erro e permite aproximação de Tänak, mas fecha sexta-feira na frente no Rali de Monte Carlo

Sébastien Ogier teve uma tarde bem mais complicada nesta sexta-feira em Monte Carlo. Depois de fechar a manhã com 40s4 de frente para Ott Tänak, o segundo colocado, o pentacampeão enfrentou problemas na sétima especial e viu sua vantagem ruir para 14s9 em relação ao estoniano
Warm Up
Redação GP, de Sumaré

Sébastien Ogier ainda desponta como o grande favorito à vitória no Rali de Monte Carlo, emblemática prova que abre a temporada 2018 do Mundial de Rali, mas agora o pentacampeão do mundo sabe que vai ter um desafio bem mais complicada para sábado e domingo. Depois de uma noite absoluta na última quinta-feira e de uma manhã bastante consistente nesta sexta (26), o piloto da M-Sport Ford viu uma vantagem confortável, de 40s4 para o estoniano Ott Tänak, ruir para apenas 14s9. Tudo por conta de um erro na sétima especial.
 
Ogier perdeu quase toda sua vantagem no trecho entre Roussieux e Eygalayes, que foi percorrido pela segunda vez nesta sexta-feira, com extensão de 30,5 km. “Fiquei preso numa vala, e perdemos uns 30s. Foram condições muito difíceis”, afirmou o piloto, que tem como navegador o inseparável compatriota Julien Ingrassia. A dupla francesa conseguiu sair da vala muito por conta da ajuda dos espectadores que acompanhavam a prova nas cercanias.
Sébastien Ogier e Julien Ingrassia permanecem na ponta do Rali de Monte Carlo (Foto: Red Bull Content Pool)
De fato, foi uma tarde bem mais complicada em razão das chuvas, que tornaram ainda mais desafiador o terreno. Até por isso, foi um período marcado pelo equilíbrio, com três vencedores distintos nas três especiais em jogo. 
 
Na primeira delas, Tänak, novo reforço da Toyota para buscar o título mundial, triunfou ao lado do navegador, também estoniano, Martin Järveoja. Companheiro de equipe de Ogier e Ingrassia na M-Sport Ford, Elfyn Evans e Daniel Barritt levaram o Ford Fiesta RS WRC #2 à vitória na especial em que Ogier errou. E na última etapa do dia, Thierry Neuville voltou a fazer boa apresentação ao lado de Nicolas Gilsoul no seu Hyundai i20.
 
De qualquer forma, Ogier ainda se mantém na melhor posição possível para buscar sua quinta vitória consecutiva na mais tradicional etapa do Mundial de Rali. “Foi uma jornada complicada, mas estamos aqui e continuamos na liderança. Sem esse incidente, estaríamos um minuto à frente, mas seguir sendo o líder me deixa feliz”, afirmou o pentacampeão.
Ott Tänak acelerou forte e aproveitou a falha de Ogier para se aproximar da liderança (Foto: Red Bull Content Pool)
Com oito especiais já disputadas, o terceiro colocado é o espanhol Dani Sordo, o melhor posicionado entre os pilotos da Hyundai, com 59s7 de atraso para Ogier. Esapekka Lappi, da Toyota, fechou a sexta-feira em quarto, porém o finlandês já está a mais de 1min de desvantagem para Ogier.

Lappi, contudo, está a míseros 0s2 do seu companheiro de equipe e compatriota, Jari-Matti Latvala, que fecha o rol dos cinco primeiros. Já Kris Meeke, o primeiro piloto da Citroën na classificação, segue em sexto, mas a 2min45s da liderança.
 

Restam nove especiais para o desfecho do Rali de Monte Carlo. Cinco delas vão ser disputadas neste sábado, sendo três pela manhã e duas à tarde. O domingo reserva outras quatro etapas, sendo a derradeira também o Power Stage, que compreende a distribuição de pontos extras aos três primeiros colocados. 
 
O estágio final do Rali de Monte Carlo vai ter uma atração a mais: Carlos Sainz Jr., piloto de F1 filho do bicampeão do WRC e do Dakar, ‘El Matador’ Carlos Sainz, vai fazer uma exibição com o carro da Renault na neve do Principado.

Últimas Notícias
domingo, 24 de junho de 2018
F3
F1
F1
DTM
Outras
F1
F2
sábado, 23 de junho de 2018
F1
Indy
Indy
F2
Indy
Indy
F1
Indy
Galerias de Imagens
Facebook