Lawson deixa fileira de Mercedes para trás e vence estreia do DTM 2021 em Monza

Representante da Ferrari, Liam Lawson largou na sétima posição e partiu para uma vitória de porte interessante para abrir a temporada 2021

Maverick Viñales sofreu uma queda na reta final do TL3 (Vídeo: MotoGP)

Demorou, mas chegou. A temporada 2021 do DTM, com direito a nova geração de carros, começou na manhã deste sábado (19) e contou com a vitória de um novato: Liam Lawson, de Ferrari. O piloto da Nova Zelândia largou na sétima colocação, mas partiu para a vitória de maneira impressionante para o começo da nova fase do campeonato.

Lawson, de apenas 19 anos, jamais fizera uma corrida de GT antes. Pois bem, largou e foi direto para a vitória. Foi também a primeira vitória da Ferrari na categoria e a primeira vitória conquistada por um construtor não-alemão desde 1996.

O piloto largou bem e manteve ritmo forte após quem estava imediatamente à sua frente, Nico Müller e Mike Rockenfeller, pararem voltas antes e deixarem o neozelandês de rosto para o vento. Lawson aproveitou e acabou se mantendo na frente após o pole-position Abril, realizar seu pit-stop.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
Confira a programação de TV do fim de semana

LIAM LAWSON; DTM; MONZA
Liam Lawson venceu a primeira corrida dele num carro de GT (Foto: Red Bull Content Pool)
Paddockast #108: As ‘asas da discórdia’ na briga pelo título da F1

Foi uma derrota até de certo modo surpreendente para a Mercedes, que fez as duas primeiras filas na classificação. Abril, terminou 1s6 atrás de Lawson e na segunda colocação. Quem fechou o pódio foi Maximilian Götz, outro piloto Mercedes.

Depois de uma classificação muito complicada, em que terminou somente com a 14ª colocação, Alexander Albon conseguiu escalar de maneira impressionante até o quarto posto na estreia dele na categoria. O piloto reserva da Red Bull na F1 teve baita desempenho ao passar tanta gente e ser o último piloto na volta do líder.

Daí para frente, todos os pilotos terminaram uma volta atrás do líder. Daniel Juncadella, Kelvin van der Linde, Maximilian Buhk, Nico Müller e Mike Rockenfeller fecharam o top-10. A segunda corrida acontece na manhã do domingo.

Briefing: Tudo sobre a classificação da F1 na França

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar