Endurance

Alonso fecha com Cadillac e acerta volta para 24 Horas de Daytona em 2019, diz site

Fernando Alonso vai voltar para as 24 Horas de Daytona. De acordo com informação do site inglês 'RaceFans.net', há um acordo de Fernando com a Cadillac para que ele dispute a corrida pela Wayne Taylor. Na Indy 500, terá motor Chevrolet
Warm Up / Redação GP, do Rio de Janeiro
 O #10 da Wayne Taylor Racing (Foto: Reprodução/Twitter)

Após uma participação amarga em 2018, Fernando Alonso vai voltar para  Flórida. O bicampeão mundial e agora ex-piloto da F1 fechou com a Cadillac e a tradicional equipe Wayne Taylor para participar da edição 2019 das 24 Horas de Daytona.
 
A informação é do site inglês 'RaceFans.net'. Segundo o veículo, Alonso acertou com dois braços da General Motors para corridas diferentes: a Cadillac em Daytona e a Chevrolet para as 500 Milhas de Indianápolis, como o GRANDE PRÊMIO adiantou.
 
O anúncio é esperado para o começo de dezembro. 
 
Nesta semana, Alonso fará um evento com a Chevrolet no Bahrein. Vai ser a troca de carros, onde ele guia um Nascar e Jimmie Jonhson senta no cokpit da F1.
Fernando Alonso (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

"Eu já tenho alguns compromissos para o ano que vem com a súper temporada da WEC, as 24 Horas de Le Mans novamente, a Indy 500 com a McLaren e provavelmente mais algumas corridas", afirmou no fim de semana do GP de Abu Dhabi.
 
"Vou tentar relaxar também, combinar duas coisas: o prazer de guiar e ter um pouco de vida também, porque a F1 é uma dedicação total ao esporte. Depois de 17 anos, preciso de folga", argumentou.
 
Em 2018, Alonso esteve no carro #23, da United Autosport, ao lado de Lando Norris e Phil Hanson. Com problemas, o trio terminou somente no 38º posto.