Após liderar treino livre em Xangai com Toyota, Alonso aguarda novo desafio no WEC: correr na chuva

Os trabalhos para as 6 Horas de Xangai do Mundial de Endurance começaram nesta sexta-feira (16) na China - e Fernando Alonso, junto a Sébastien Buemi e Kazuke Nakajima, liderou o TL1. Agora, espera mais uma novidade no WEC: correr na chuva

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }


As 6 Horas de Xangai do Mundial de Endurance tiveram seus primeiros trabalhos nesta sexta-feira (16) – e a Toyota liderou os dois treinos livres na LMP1, como de costume. No TL1, o #8 de Fernando Alonso, Kazuke Nakajima e Sébastien Buemi ficou no topo, enquanto o TL2 teve o #7 da equipe na frente, com Mike Conway, Kamui Kobayashi e José María López.

Para Alonso, porém, o final de semaana na China é de mais um desafio entre os tantos que aponta  ter no WEC: correr na chuva com carro de endurance.

É o que deve ocorrer no domingo, segundo a previsão do tempo para Xangai. E após os treinos desta sexta o espanhol comentou sobre isso: "Estou com muita vontade, é mais uma primeira vez para mim."

Fernando Alonso (Foto: FIAWEC)

"Tratamos de colocar o carro na pista pelo máximo de km possíveis, para que a equipe analise qual o melhor momento para os pneus de chuva, os dois tipos que temos, e também para os médios. Se pudermos, durante o TL3 ou a classificação, vamos provar os pneus para seco também. Então será um desafio este final de semana em termos de preparação, pois serão muitas suposições a serem feitas", seguiu.

Para Alonso, a sorte também será fatos importante na prova chinesa: "Haverá momentos em que teremos que apostar um pouco em termos de pneus. Temos que tomar as decisões de forma rápida nas paradas, sejam boas ou más as decisões", completou. 

Alonso lidera a classificação da supertemporada 2018/2019 do WEC ao lado de Nakajima e Buemi, com 84 pontos. O trio #7 da Toyota vem em seguida, com 71.

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube