Com novo 919, Porsche comanda bateria de 2 dias de testes do Mundial de Endurance em Paul Ricard

A bordo do novo 919, Brendon Hartley anotou 1min41s289 e deu para a Porsche a melhor marca dos dois dias de testes do Mundial de Endurance em Paul Ricard, na França

O Porsche 919 foi o mais rápido na bateria de dois dias de testes realizados pelos pilotos do Mundial de Endurance em Paul Ricard, na França. Com Brendon Hartley, o carro #20 registrou sua melhor marca em 1min41s289 e ficou à frente de Audi #2 guiado por André Lotterer, que cravou 1min42s073.
 
Parceiros de Hartley, Timo Bernhard e Mark Webber também conseguiram rodar abaixo da marca de 1min42s ao longo do primeiro dia de exercícios na pista francesa.
Brendon Hartley, Timo Bernhard e Mark Webber são os pilotos do carro #20 (Foto: Porsche)
A Porsche, aliás, ainda ficou com o terceiro posto da tabela, já que Romain Dumas, que forma um trio com Neel Jani e Marc Lieb, anotou 1min42s126 com o 919 de número 14. O Toyota TS040 #7 de Alexander Wurz, Stéphane Sarrazin e Kazuki Nakajima fez o quarto melhor tempo: 1min42s356.
 
A quinta posição no resultado combinado das sessões ficou com o Audi #1. O carro guiado por Lucas Di Grassi, Loïc Duval e Tom Kristensen registrou sua melhor volta em 1min42s407.
 
Com 1min43s615, Anthony Davidson/ Nicolas Lapierre/ Sébastien Buemi aparecem na sequência, à frente do trio formado por Nicolas Prost, Nick Heidfeld e Mathias Beche. Dominik Krahmer/Andrea Belicchi/Matthias Beche ficaram com o oitavo posto, seguidos por Shinji Nakano. Roman Rusinov, Olivier Pla e Julian Canal completam a listas dos dez mais rápidos.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube