Toyota sobra em Silverstone e conquista primeira pole no WEC em três anos com Kobayashi/Conway/López

Kamui Kobayashi, Mike Conway e Sébastien Buemi sobraram na classificação em Silverstone, trazendo a primeira pole da Toyota desde 2014. Pipo Derani, estreando com a Ganassi na GTE, parte da pole-position

 
O primeiro treino classificatório do Mundial de Endurance em 2017 teve dono. A Toyota sobrou em Silverstone neste sábado (15), conseguiu uma dobradinha tranquila. Kamui Kobayashi, Mike Conway e José María López ficaram com o tempo médio de 1min37s304, 0s289 na frente dos companheiros Anthony Davidson, Kazuki Nakajima e Sébastien Buemi.
 
A vantagem para a Porsche, adversária única na LMP1, gira na casa do 1s3. O terceiro lugar no grid ficou nas mãos de André Lotterer, Neel Jani e Nick Tandy. Neste ritmo, só problemas mecânicos vão tirar a vitória da Toyota.
 
Trata-se da primeira pole da Toyota em quatro anos. A última posição de honra havia sido conquistada em 2014, em Fuji. De lá para cá, os japoneses não foram capazes de acompanhar Audi e Porsche.
A Toyota sobrou na classificação em Silverstone (Foto: Reprodução/Twitter)
Na LMP2, a pole ficou com a G-Drive. Roman Rusinov, Alex Lynn e Pierre Thiriet tiveram pouca vantagem sobre Nicolas Lapierre, Gustavo Menezes e Matt Rao, da Alpine. Bruno Senna, companheiro de Nico Prost e Julien Canal, alcançou a quarta posição no grid da classe.
 
Na LMGTE, a história é outra. O trio do brasileiro Pipo Derani, pilotando um Ford GT pela Ganassi com Andy Priaulx e Harry Tincknell, alcançou a pole da classe com tranquilidade – 0s8 sobre os adversários mais próximos, Sam Bird e Davide Rigon, da Ferrari. Daniel Serra, que estreia no campeonato, parte em quinto com seu Aston Martin.
 
As 6 Horas de Silverstone, primeira prova do calendário do WEC, serão disputadas neste domingo.
 
PADDOCK GP #73 DISCUTE F1, MOTOGP E INDY E FAZ PRÉVIA DO GP DO BAHREIN

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube