Trio Catsburg/Paltalla/Luhr garante vitória da BMW nas 24 Horas de Spa-Francorchamps após 17 anos

Um memorável dia para a BMW. o trio Nicky Catsburg, Markus Paltalla e Lucas Luhr trouxe para a equipe alemã a vitória nas 24 Horas de Spa-Francorchamps. O último triunfo da montadora havia sido em 1998

O trio formando por Nicky Catsburg, Markus Paltalla e Lucas Luhr conduziu a BMW à vitória nas 24 Horas de Spa-Francorchamps. A corrida, que teve seu fim neste domingo (26), viu a montadora alemã conquistar o triunfo na prova após 17 anos.
 
A segunda colocação ficou com os companheiros Frank Stippler, Nico Muller e Stephane Ortelli, que cruzaram a linha de chegada com uma volta de desvantagem para os ponteiros. Completando o pódio, após se recuperarem de um problema com seu carro, vieram Nicki Thiim, Christian Mamerow e Christopher Mies.
 
“Estou sem palavras. Estamos tentando há tanto tempo e agora finalmente nós conseguimos. Obrigado ao meu time e meus companheiros de equipe. Levará tempo para absorver tudo, mas hoje terá uma grande festa”, disse Catsburg sobre a vitória.
O trio Nicky Catsburg, Markus Paltalla e Lucas Luhr (Foto: 24h de Spa)
A prova belga de resistência foi bastante movimentada. Logo no início, a corrida teve de ser interrompida por conta da forte chuva que acertou o circuito. Ainda, durante as 24 horas, houve cerca de dez entradas do safety-car na pista.
 
O momento decisivo para o trio vitorioso foi pouco após a 20ª hora de disputa. A BMW pilotada por Dirk Werner acabou rodando na pista por conta de um problema em seu motor, e foi quando Catsburg se aproveitou do problema, ainda ultrapassou o Audi de Ortelli e a partir de então apenas administrou o ritmo na ponta do pelotão.
 
A quarta colocação da classificação geral ficou com a AF Corse #458 de Gianmaria Bruni, Alessandro Pier Guidi, Stephane Lemert e Pasin Lathouras que, além de terem feito uma prova sem problemas, garantiram a vitória na classe Pro-AM.
 
O trio brasileiro da equipe BMW Team Brasil, formado por Cacá Bueno, Felipe Fraga e Sergio Jmenez, após uma fraca classificação, terminou o dia na 13ª posição "Foi bom. Não fosse esse problema elétrico na madrugada poderíamos ter chegado em quinto no geral, que era o nosso objetivo inicial antes dos problemas no classificatório”, disse.
O pódio da prova (Foto: 24H de Spa)
“Quando paramos, perdemos uma meia hora nos boxes e isso chegou a mexer com o ânimo do time. Mas nos mantemos focados, porque o objetivo não era só terminar. Queríamos chegar entre os dez primeiros e, pelo menos na nossa categoria, conseguimos", completou.
 
Já a equipe de Bruno Senna, Álvaro Parente e Adrian Quaife-Hobbes fechou o dia em Spa-Francorchamps em 18º.
 
A última etapa da temporada 2015 da Blacpain Series acontece em Nürburgring, em setembro.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube