Panoz apresenta carro totalmente elétrico com objetivo de disputar 24 Horas de Le Mans em 2018

A fábrica norte-americana chefiada por Don Panoz apresentou um novo projeto de carro de competição. Alinhado com a nova tendência dos veículos elétricos, o Green4U Panoz Racing GT-EV está em fase de desenvolvimento, e a fábrica almeja garantir um lugar para o modelo nas 24 Horas de Le Mans do ano que vem por meio do Garage 56

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Se o futuro é elétrico, Don Panoz quer colocar esse futuro na pista em Le Mans. E muito em breve. O norte-americano apresentou nesta quinta-feira (15), pouco antes do primeiro dos dois treinos classificatórios do dia em Sarthe, o Green4U, um novo conceito com o qual pretende garantir um lugar no grid da icônica prova de Endurance por meio do projeto Garage 56, criado pela ACO (Automóvel Clube do Oeste) para incentivar a construção de veículos inovadores. 

 
Fez parte deste projeto o revolucionário DeltaWing, do qual Panoz foi sócio do programa de desenvolvimento do protótipo em 2012.
 
O visual do Green4U Panoz Racing GT-EV parece muito com um protótipo, mas se assemelha internamente mais aos carros de GT. A ideia da Panoz é adotar o uso de baterias renováveis, que seriam trocadas a cada pit-stop para oferecer ao veículo uma autonomia plena e capaz de finalizar uma prova tão extensa e desafiadora como as 24 Horas de Le Mans. Em um carro elétrico de rua, é feito uma recarga, como acontece, por exemplo, com as baterias dos telefones celulares.
O Green4U tem semelhanças com o protótipo, mas foi concebido com base nos GT (Arte: Panoz)
“Queremos ser considerados para a Garage 56. Realizamos diversas reuniões técnicas e estamos avançando com o plano de estar na corrida no ano que vem, mas a última instância é a organização, a ACO, que é quem tem de nos convidar”, salientou Panoz.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A expectativa do diretor-técnico responsável pelo Green4U, Brian Willis, é de colocar o carro na pista entre seis e oito meses. O modelo, dotado de dois motores elétricos que podem oferecer entre 400 e 450 kW, podem fazer o Green4U chegar a nada menos que 290 km/h. A ideia de Willis é que as baterias possam oferecer uma autonomia de cerca de 48 minutos antes de cada pit-stop para a troca.

 
Don Panoz encara o projeto do Green4U como a “última grande jogada” para emplacar o desenvolvimento de veículos de rua. “Tenho 82 anos e quero que esta seja a minha última conquista”, afirmou.
O CANADÁ É PARA HAMILTON O QUE MÔNACO FOI PARA SENNA?

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube