Endurance
13/06/2018 05:30

Serra fala em “sensação diferente” e diz que vencer 24 Horas de Le Mans pela Ferrari “seria sonho realizado”

Daniel Serra vive uma semana especial na sua carreira. O brasileiro, que vive grande fase desde o ano passado na Stock Car, vai lutar pelo bicampeonato das 24 Horas de Le Mans. Serrinha, que triunfou em 2017 com a Aston Martin, agora vai ter a chance de correr pela equipe oficial da Ferrari, a AF Corse. Uma sensação única e emblemática na sua trajetória como piloto
Warm Up / FERNANDO SILVA, de Santa Cruz do Sul / VITOR FAZIO, de Santa Cruz do Sul
 Daniel Serra vai acelerar pela Ferrari nesta semana para buscar a segunda vitória em Le Mans (Foto: Ferrari/Twitter)

É bem verdade que a Stock Car fez uma longa pausa, de dois meses e meio, em razão da Copa do Mundo da Rússia. Mas Daniel Serra não tem férias, muito pelo contrário. Nesta semana que marca a abertura do Mundial de Futebol, Daniel vai ter a chance de correr, pela segunda vez, nas 24 Horas de Le Mans. O piloto de 34 anos detém 100% de aproveitamento depois de ter vencido logo na estreia correndo pela Aston Martin no ano passado ao lado de Darren Turner e Jonny Adam. Agora, porém, o desafio é tão grande como o sonho de voltar ao icônico topo do pódio em Sarthe na classe LMGTE-PRO, mas vestindo as cores da Ferrari. Serra vai correr neste fim de semana com a AF Corse, equipe de fábrica de Maranello.
 
Serrinha vai compartilhar o volante da Ferrari 488 GTE Evo #51 da AF Corse ao lado de dois nomes com muita experiência no endurance: o italiano Alessandro Pier Guidi e o britânico James Calado. Na AF Corse, mas no carro #52, Daniel vai contar com o compatriota Pipo Derani como companheiro de equipe em Le Mans.
 
O piloto, que começa os trabalhos de pista nesta quarta-feira (13) em Sarthe com a disputa do primeiro treino livre e também da primeira de três sessões classificatórias, falou ao GRANDE PREMIUM em Santa Cruz do Sul, no fim de semana da última etapa da Stock Car antes da pausa para a Copa do Mundo. E se disse maravilhado com a chance de representar um ícone do esporte a motor como é a Ferrari.
Daniel Serra vai acelerar pela Ferrari nesta semana para buscar a segunda vitória em Le Mans (Foto: Ferrari/Twitter)
Ao ser questionado sobre a oportunidade de correr pela fábrica italiana, Serra não escondeu que se sente um privilegiado. 
 
“Ah cara... não que quando andei com o da Aston [Martin] não tenha sido sensacional. Poder estar representando uma fábrica... mas estar com a Ferrari é diferente. Poder colocar o macacão deles oficialmente é uma sensação legal. A melhor sensação seria poder ganhar de novo, então a gente precisa trabalhar. Mas a sensação é boa, é muito boa”, sorriu o atual vencedor de Le Mans na LMGTE-RO.
 
Daniel não se esquivou ao falar da possibilidade de vencer novamente no templo do automobilismo mundial, tendo em mente o sonho de subir ao topo do pódio com o macacão vermelho da Ferrari. “Seria muito legal. Primeiro porque seria uma segunda participação e uma segunda vitória. Se isso acontecer seria sensacional. E se isso acontecer pela Ferrari seria um sonho sendo realizado”.
Correndo pela Aston Martin, Daniel Serra alcançou a glória logo na estreia em Le Mans em 2017 (Foto: Daniel Serra/Instagram)
Serra, entretanto, não vê o fato de ter vencido no ano passado como uma pressão extra para repetir o feito em 2018. O piloto, que testou em Monza e Spa-Francorchamps, garante estar pronto para o desafio e, com a experiência adquirida em 2017 pela Aston Martin com a vitória em Sarthe, entende que está ainda mais forte para o desafio que se avizinha.
 
“Não é algo que me afete. O que estou fazendo é me preparar ao máximo. Venho de uma grande sequência de corridas, seja aqui na Stock Car e no Endurance Brasil, ou lá fora, e agora os testes, então estou me preparando ao máximo. Não sinto nenhuma pressão a mais. Vejo tudo como positivo porque já tive a experiência de estar lá, de saber a pista, de saber tudo. Então acho que essa experiência conta muito mais a favor do que contra”, concluiu o campeão da Stock Car e vencedor das 24 Horas de Le Mans.